Preços ao produtor nos EUA têm queda inesperada em abril

Departamento do Trabalho informou nesta sexta-feira que o seu índice de preços ao produtor sazonalmente ajustado caiu 0,2%

Washington - Os preços ao produtor dos Estados Unidos caíram em abril, na medida em que os custos com energia tiveram a maior queda em seis meses, num sinal de diminuição das pressões inflacionárias, o que poderia dar ao Federal Reserve (banco central dos Estados Unidos) mais espaço para ajudar a economia caso o crescimento enfraqueça.

O Departamento do Trabalho informou nesta sexta-feira que o seu índice de preços ao produtor sazonalmente ajustado caiu 0,2 por cento no mês passado. Essa foi a primeira queda no ano e o maior declínio desde outubro.

Economistas consultados pela Reuters esperavam que os preços em fazendas, fábricas e refinarias ficassem estáveis.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.