Plataforma de Gestão Agropecuária começa a funcionar em 60 dias

A plataforma vai permitir maior controle sobre a movimentação dos rebanhos, com uma base de dados únicos, evitando a duplicidade de informações

Brasília - Em 60 dias, entra em funcionamento a primeira etapa da Plataforma de Gestão Agropecuária (PGA), sistema informatizado que vai unificar os dados sobre o trânsito do gado no país e integrar diversos mecanismos de controle, inclusive o sanitário. A sistema foi entregue hoje (18) pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) ao Ministério da Agricultura.

A plataforma vai permitir maior controle sobre a movimentação dos rebanhos, com uma base de dados únicos, evitando a duplicidade de informações. Além disso, possibilitará ações rápidas em caso de ocorrência dos chamados eventos sanitários, como febre aftosa. A ideia é que todos os estados saibam antecipadamente qual movimentação de gado detêm, a origem desses animais e o destino deles.

Atualmente a gestão dessas informações é estadual, com sistemas informatizados diferentes. Em alguns estados, o processo ainda é manual.

“O maior beneficiado com isso é o consumidor, que vai ter informações fidedignas em tempo real da origem de seu produto”, disse a presidente da CNA, Kátia Abreu. “Estamos iniciando com a carne, mas em breve, poderemos ter a alface, o leite e demais produtos produzidos no Brasil”, completou.

A atualização do sistema será feita por todos os envolvidos no processo, como produtores, órgãos de fiscalização e laboratórios. A fiscalização se dará por amostragem, com auditorias. “Confiança será a palavra-chave para inserção dos dados no sistema”, ressaltou Kátia Abreu.

Para o ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro Filho, o lançamento desse mecanismo de gestão é a garantia de que as informações serão organizadas a partir de agora. “A plataforma nada mais é do que todo mundo dizendo: Vamos organizar tudo e deixar de forma clara para explorar o nosso potencial e dar segurança para o consumidor. Precisamos da máxima clareza de que está tudo certo.”

Inicialmente, a ferramenta vai englobar o controle online do trânsito de todos os animais do país. Depois, será ampliada para abranger a fiscalização do trânsito dos animais, a gestão de normas para exportação de produtos de origem animal e o bloqueio no caso de eventos sanitários.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.