Minério de ferro recua na China acompanhando queda nas ações

O consumo de aço na China, principal consumidor global, continua a cair após registrar em 2014 sua primeira queda anual

Manila - Os preços do minério de ferro na China recuaram nesta terça-feira acompanhando um recuo nos preços do aço, com investidores vendendo ativos de risco devido à persistente preocupação com a desaceleração da economia do país.

O mercado de ações da China puxou a queda, com importantes índices caindo cerca de 4 por cento. O minério com entrega imediata no porto de Tianjin caiu 1,9 por cento, para 56,4 dólares por tonelada, segundo o Steel Index (TSI).

O contrato futuro do minério de ferro na bolsa de Dalian, com entrega em janeiro, fechou com queda de 3,2 por cento a 392,50 iuanes (62 dólares) por tonelada. O contrato mais ativo do vergalhão de aço na bolsa de Xangai caiu 1,3 por cento.

"A demanda por aço não é grande, mas as usinas continuam produzindo e enquanto você continua produzindo, você mantém a pressão nos preços do aço", disse um operador de minério de ferro em Xangai.

O consumo de aço na China, principal consumidor global, continua a cair após registrar em 2014 sua primeira queda anual em mais de três décadas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também