Inflação da construção civil cai para 0,19% em fevereiro

A taxa é inferior ao percentual de janeiro, que tinha ficado em 0,38%

O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), registrou inflação de 0,19% em fevereiro deste ano.

A taxa é inferior ao percentual de janeiro: 0,38%. Em 12 meses, o Sinapi soma 5,77%, abaixo dos 6,46% acumulados até janeiro deste ano.

O custo nacional da construção passou a ser de R$ 1.033,16 por metro quadrado em fevereiro. Enquanto os materiais de construção ficaram 0,37% mais caros e passaram a custar R$ 533,89 por metro quadrado, o custo da mão de obra se manteve estável em relação a janeiro: R$ 499,27.

A região Sudeste teve a maior variação regional em fevereiro (0,23%). As demais regiões apresentaram os seguintes resultados: 0,13% (Norte), 0,19% (Nordeste), 0,22% (Sul) e 0,04% (Centro-Oeste).

Entre as unidades da federação, o Rio Grande do Norte foi o estado que apresentou a maior inflação em fevereiro (0,66%). Seis estados tiveram deflação (queda de preços), com destaque para Roraima (-0,21%) e Rio de Janeiro (-0,20%).

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.