Economia da China cresce, mas Trump gera incertezas

"Uma vitória do Trump é provavelmente ruim para a China, por causa da maior incerteza para a perspectiva da economia dos EUA e da global", disse um analista

Pequim – O crescimento econômico em geral da China manteve-se em outubro, com um impulso maior para o investimento, em parte graças a uma atividade ainda robusta do setor imobiliário, afirmou Louis Kuijs, da Oxford Economics.

A perspectiva para o próximo ano, porém, é mais incerta, segundo ele, que cita a vitória do republicano Donald Trump na corrida pela presidência dos Estados Unidos.

“Uma vitória do Trump é, no balanço, provavelmente ruim para a China, por causa da maior incerteza para a perspectiva da economia dos EUA e da global”, disse o analista.

O aumento da incerteza significa que o governo de Pequim desejará manter as opções em aberto para decidir se terminará por começar a desacelerar o ritmo da expansão de crédito, disse ele.

Um impulso maior que o esperado para o crescimento econômico dá aos formuladores de política um pouco mais de espaço para manobras, acrescenta Kuijs. Fonte: Dow Jones Newswires.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.