• AALR3 R$ 20,29 0.74
  • AAPL34 R$ 67,40 -2.05
  • ABCB4 R$ 16,73 -0.18
  • ABEV3 R$ 14,19 0.78
  • AERI3 R$ 3,63 -6.20
  • AESB3 R$ 10,65 -2.92
  • AGRO3 R$ 31,09 0.61
  • ALPA4 R$ 20,82 0.29
  • ALSO3 R$ 19,15 -1.64
  • ALUP11 R$ 27,31 0.52
  • AMAR3 R$ 2,40 -2.83
  • AMBP3 R$ 30,55 -1.99
  • AMER3 R$ 22,85 -5.07
  • AMZO34 R$ 63,86 -2.50
  • ANIM3 R$ 5,36 -3.42
  • ARZZ3 R$ 79,90 0.49
  • ASAI3 R$ 15,91 0.25
  • AZUL4 R$ 20,78 -5.37
  • B3SA3 R$ 12,02 -0.66
  • BBAS3 R$ 37,75 -0.57
  • AALR3 R$ 20,29 0.74
  • AAPL34 R$ 67,40 -2.05
  • ABCB4 R$ 16,73 -0.18
  • ABEV3 R$ 14,19 0.78
  • AERI3 R$ 3,63 -6.20
  • AESB3 R$ 10,65 -2.92
  • AGRO3 R$ 31,09 0.61
  • ALPA4 R$ 20,82 0.29
  • ALSO3 R$ 19,15 -1.64
  • ALUP11 R$ 27,31 0.52
  • AMAR3 R$ 2,40 -2.83
  • AMBP3 R$ 30,55 -1.99
  • AMER3 R$ 22,85 -5.07
  • AMZO34 R$ 63,86 -2.50
  • ANIM3 R$ 5,36 -3.42
  • ARZZ3 R$ 79,90 0.49
  • ASAI3 R$ 15,91 0.25
  • AZUL4 R$ 20,78 -5.37
  • B3SA3 R$ 12,02 -0.66
  • BBAS3 R$ 37,75 -0.57
Abra sua conta no BTG

Acordo EUA-UE sobre comércio é mais abrangente do que esperado, diz fonte

Segundo acordo, Estados Unidos e União Europeia trabalharão juntos para lidar com os abusos de mercado da China
Jean-Claude Juncker e Donald Trump: líderes fecharam acordo que coloca fim ao risco de guerra comercial imediata entre as duas potências (Reuters/Joshua Roberts)
Jean-Claude Juncker e Donald Trump: líderes fecharam acordo que coloca fim ao risco de guerra comercial imediata entre as duas potências (Reuters/Joshua Roberts)
Por Steve Holland, da ReutersPublicado em 26/07/2018 19:33 | Última atualização em 26/07/2018 19:33Tempo de Leitura: 1 min de leitura

Washington - O governo dos Estados Unidos conseguiu tirar mais do que esperava de um acordo comercial com a União Europeia e ambos trabalharão juntos para lidar com os abusos de mercado da China, disse uma autoridade do alto escalão da Casa Branca à Reuters nesta quinta-feira.

O presidente Donald Trump e Jean-Claude Juncker, presidente da Comissão Europeia, o órgão Executivo da UE, fecharam um acordo surpresa na quarta-feira que coloca fim ao risco de uma guerra comercial imediata entre as duas potências.

"A UE entrou na conversa e estava aberta a propostas que havíamos feito sobre se livrar de tarifas, barreiras não-tarifárias e subsídios", disse a autoridade, que falou em condição de anonimato.