6 dicas para acumular – e usar – os pontos do cartão de crédito

Transforme gastos cotidianos em milhas aéreas, produtos, experiências e até cashback
Salas VIPs em aeroportos: mordomia, restrita aos portadores dos cartões de crédito dos segmentos Black ou Platinum, é um dos benefício mais desejados (Andresr/Getty Images)
Salas VIPs em aeroportos: mordomia, restrita aos portadores dos cartões de crédito dos segmentos Black ou Platinum, é um dos benefício mais desejados (Andresr/Getty Images)
D
Da Redação

Publicado em 11/07/2022 às 11:00.

Última atualização em 13/07/2022 às 11:05.

Para quem sofre para acumular milhas com o cartão de crédito, é um dado que chega a incomodar: 43,6 bilhões delas, segundo o Banco Central, simplesmente expiraram em 2019. Em outras palavras, deixaram de ser usadas a tempo e provavelmente por falta de atenção dos usuários. 

A ironia é que no ano seguinte veio a pandemia, que diminuiu a oferta de voos, elevou os preços das passagens e criou vários outros entraves ao turismo internacional. 

Para quem não quer desperdiçar os pontos do cartão de crédito – e usá-los da melhor forma possível – vale a pena anotar as seguintes dicas.

1. Atenção à data de validade dos pontos

Há cartões de crédito cujos pontos nunca expiram, mas, na maioria dos casos, o prazo é de, no máximo, 36 meses. Para sua pontuação não evaporar – assim como tantas milhas aéreas – a solução é acompanhá-la de perto, de tempos em tempos. Só assim para a data de validade de cada ponto não passar batido. 

Não sabe quantos pontos tem? Para consultar o saldo é preciso acessar o aplicativo ou o site do seu cartão de crédito e inserir seus dados. A informação também aparece nas faturas.

2. Não foque só em passagens aéreas

Pontos de cartão de crédito viraram sinônimo de milhas, mas há diversas outras recompensas em jogo. De aparelhos eletrônicos e experiências até diárias em hotéis e cashback. 

Para quem tem poucas milhas acumuladas – e prestes a vencer – o ideal é bater logo o martelo em recompensas mais acessíveis. Passagens aéreas, afinal, costumam demandar uma quantidade considerável de pontos.

3. Dê adeus ao débito

A regra que rege esse assunto todo mundo conhece: quanto mais se usa o cartão de crédito, mais pontos são acumulados. Não se trata, porém, de um estímulo ao consumo desenfreado e inconsequente só para aumentar a tão sonhada pontuação.

“Se você não consegue controlar os seus impulsos usando cartão de crédito, não tente brincar com isso”, alerta Nathalia Arcuri, fundadora da plataforma Me Poupe!. 

Dito isso, recorra ao crédito até para pagar o pão na chapa na padaria e use o débito só quando não houver outra saída. “Compre tudo o que você precisa, deve e pode com cartão de crédito”, resume a especialista em educação financeira.

4. Invista para ganhar mais pontos

A cada fatura paga, novos pontos são acumulados. A quantidade atribuída a quem opta por cartões mais simples, aqueles sem anuidade ou com taxas simbólicas, não costuma mudar a vida de ninguém. 

Oferece, via de regra, 1 ponto por cada 1 real ou dólar gasto. Já um cartão com anuidade mais cara, voltado a quem gasta mais, pode oferecer até 4 pontos por real ou dólar desembolsado.

Vale a pena? Se você tem o hábito de aproveitar a pontuação obtida, não há dúvida, pois o valor gasto com a anuidade acaba sendo compensado.

Pelo cartão internacional, que dá direito a 1 ponto para cada US$ 1 gasto, o banco PAN, por exemplo, cobra uma anuidade de 12 parcelas de R$ 22, mas esse valor pode zerar conforme o valor gasto, chegando a até 100% de desconto caso a fatura ultrapasse R$ 1.800.

5. Não esqueça dos serviços atrelados

Além de milhas, experiências, produtos e afins, programas de pontuação de cartões de crédito também costumam estender aos usuários uma série de serviços. 

Os que são ligados a seguradoras, por exemplo, dão conta dos mais variados reparos domésticos – da troca da resistência do chuveiro à manutenção do sifão da pia da cozinha. 

Outros oferecem carro reserva, guincho gratuito e descontos na hora da renovação da apólice. E quanto mais pontos tiverem sido obtidos com o cartão de crédito, maior será o desconto.

6. Voe com mais conforto

Dos benefícios oferecidos, um dos mais utilizados é o acesso gratuito às salas VIPs dos aeroportos. Geralmente, é uma mordomia restrita aos portadores dos cartões de crédito dos segmentos Black ou Platinum. 

Alguns deles, no entanto, só permitem o acesso gratuito em lounges de determinados terminais – em outros oferecem, no máximo, um pequeno desconto. Antes de partir para o aeroporto, portanto, convém checar exatamente o que o seu cartão de crédito dá direito. 

Veja Também

5 lojas e outlets para decorar a casa gastando pouco
Economizar
Há 2 semanas • 5 min de leitura

5 lojas e outlets para decorar a casa gastando pouco

Vale-gás: veja quem tem direito a receber o auxílio
Economizar
Há um mês • 4 min de leitura

Vale-gás: veja quem tem direito a receber o auxílio