PM do RJ fará concurso pela FGV com vagas para bacharel em Direito

Segundo diretor da Central de Concursos, 2021 pode ser o ano dos concursos públicos. O edital da Polícia Federal deve ser publicado ainda em janeiro

A Polícia Militar do Rio de Janeiro vai realizar concurso público para 32 vagas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), segundo publicação no Diário Oficial desse segunda-feira, 11. A liberação do processo indica um ano mais positivo para os interessados em carreira pública.

No sábado, a Polícia Militar de São Paulo abriu as inscrições pela Vunesp para 2.700 vagas para soldado com salário de R$ 3.318,53. No Rio de Janeiro, o edital e a data de inscrições ainda serão publicados.

Essa seleção, com menos vagas, será para o cargo de tenente. Ao final do curso de formação, os selecionados terão remuneração inicial acima de 7 mil reais.

Diferente da seleção de São Paulo, que aceita formação no ensino médio, o concurso do Rio de Janeiro só aceita candidatos com bacharel em Direito. Também será necessário ter entre 18 e 35 anos e estatura mínima de 1,60m (mulher) e 1,65 (homem).

Em 2020, muitos processos de seleção tiveram que cancelar suas provas e foram postergados por causa da pandemia. Mesmo assim, a Central de Concursos contabilizou mais de 19 mil oportunidades abertas, considerando Governo Federal, Governos Estaduais, Municipais e do Distrito Federal.

Assim, os processos estavam sendo liberados pelo governo, mas muitas seleções ficaram para 2021. O maior exemplo é o concurso público para a Polícia Federal.

Em dezembro, o Diário Oficial da União publicou autorização para a realização da prova. E, durante o final de semana, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) comentou em seu perfil do Twitter que o edital deve ser publicado em janeiro.

Segundo Gabriel Henrique Pinto, professor e diretor da Central de Concursos, o mesmo deve acontecer com o edital para a Polícia Rodoviária Federal.

“Muitos órgãos acabaram deixando de abrir novas seleções em 2020, o que deve fazer de 2021 o ano dos concursos. A demanda por servidores públicos em todas as áreas é muito grande, especialmente no Tribunal de Justiça de São Paulo, Receita Federal e no INSS que já não realizam concursos há muito tempo”, comenta ele.

No caso da Polícia Federal, deverão ser abertas 1,5 mil vagas de nível superior para cargos de delegado, escrivão, papiloscopista e agente de polícia federal.

De 0 a 10 quanto você recomendaria Exame para um amigo ou parente?

 

Clicando em um dos números acima e finalizando sua avaliação você nos ajudará a melhorar ainda mais.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.