Como adaptar sua carreira para lidar com novos cenários?

Em tempos que exigem maturidade, resgatar um importante valor da infância pode ser a solução para a sustentabilidade da sua carreira

O momento é de desaceleração econômica em muitos setores e, além de todas as transformações na rotina dos profissionais devido o isolamento social, as empresas também estão tendo que rever seus modelos de negócios.

A consequência é que o cenário exige profissionais ágeis e capazes de se adaptarem rapidamente às mudanças.

Quando uma mudança é necessária há duas opções: ou desenvolvemos flexibilidade e percebemos que somos mais capazes do que acreditávamos ser, ou paralisamos e ficamos apegados ao antigo.

Qual opção parece ser mais interessante para o seu futuro profissional? Eu sei, às vezes as mudanças assustam, ainda mais quando urgentes. Porém, praticar a adaptabilidade estimula o raciocínio, amplia nossa capacidade de tomar decisões e fortalece a resiliência – valores essenciais para o momento atual.

Como tudo, desenvolver uma habilidade é apenas uma questão de mudança de pensamento e muita prática.

A adaptação está ligada à nossa capacidade de percepção. Entenda, o mundo está em constante transformação. Mesmo antes da pandemia, mesmo antes da intensa chegada da tecnologia, mesmo antes de você nascer.

A natureza desse planeta é feita de ciclos, nossa biologia humana também. Cada fase exige adaptação e resistir é também negar se adaptar a vida como um todo. Ou seja, não estamos falando apenas da sua carreira, mas do seu bem-estar como indivíduo e da saúde das suas relações.

O quanto de energia criativa você desperdiça resistindo ao novo? Ao invés de se distrair acreditando que não consegue se adaptar à algo, que tal se, ao invés, você apenas se permitir ser curioso novamente, assim como era quando criança? Não à toa elas aprendem com tudo e todos e a todo o momento. Essa capacidade não é esquecida, no máximo fica empoeirada. Nada que um paninho de boa vontade não resolva.

Através da curiosidade, a base para qualquer novo aprendizado, tudo pode ser mais simples. A internet está munida de boas informações e de cases inspiradores. Você apenas precisa entender o que, de fato, você precisa aprender ou se estimular para ter uma boa ideia e pesquisar, pesquisar e pesquisar.

Mude o tempo todo. Reveja seus hábitos de consumo de informação. Quando acaba o seu expediente, o que você faz para relaxar? Que tipo de conteúdo consome? Que tipos de relações e atividades você se nutre?

Conversar sempre com as mesmas pessoas, assistir sempre o mesmo canal, ou tipo de série não te leva à novos olhares. Pode ser confortável, mas te limita e, atualmente, estamos tendo a oportunidade de perceber o quanto ter que ficar em casa, limitados às paredes, é incômodo.

Para se integrar a esse valor você terá que ampliar suas fontes de conhecimento. Faça novos cursos, converse com pessoas diversas, assista aos inúmeros TED’s (mesmo que o conteúdo não se relacione com a sua área de atuação), se inspire, movimente sua capacidade de se engajar em novos conteúdos, ideias e caminhos.

A adaptabilidade é fruto da humildade de perceber que nunca saberemos o bastante, e tudo bem. Que bom poder mudar, não é mesmo? Que tal, após ler esse artigo, rever sua rotina e incluir novas atividades e relações nela? Garanto que você vai se surpreender com a riqueza de aprendizados que terá nessa jornada.

E tudo isso irá influenciar na sua habilidade de lidar cada vez melhor com as mudanças estruturais do seu trabalho, além de te manter inspirado e atualizado para trazer novas ideias à empresa e à sua vida.

Boas pesquisas!

Nesta quarta-feira (8), às 15h, Sofia Esteves, colunista da Exame e presidente do conselho do grupo Cia. de Talentos, vai receber Luis Giolo, da Egon Zehnder, e José Augusto Figueiredo, da Lee Hecht Harrison, para uma conversa ao vivo sobre a carreira no momento de crise. O debate será acompanhado por André Portilho, head da Exame Academy.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.