Canadá e Brasil se juntam para oferecer bolsas de estudo

Professores, pesquisadores e estudantes de doutorado têm a chance de estudar no Canadá. Inscrições abertas até dia 30 de abril
Canadá/Brasil: estímulo a pesquisas conjuntas (Thinkstock)
Canadá/Brasil: estímulo a pesquisas conjuntas (Thinkstock)
C
Camila PatiPublicado em 02/04/2015 às 13:28.

São Paulo – Professores, pesquisadores e alunos de doutorado interessados em desenvolver estudos no Canadá podem inscrever projetos de pesquisa no programa Capes/DFATD até o dia 30 de abril. O programa é fruto de uma parceria para intercâmbio científico entre os dois países por meio da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) e do DFATD (Ministério de Relações Exteriores, Comércio e Desenvolvimento do Canadá).

O objetivo é estimular projetos conjuntos de pesquisas entre brasileiros e canadenses em todas as áreas para fortalecer a relação acadêmica entre os dois países.

Do lado da Capes, o apoio é para missões de trabalho de professores e missões de estudos de doutorado-sanduíche. Equipes brasileiras receberão da Capes recursos para custeio de despesas.

Serão financiadas até duas missões de trabalho de professores pesquisadores por ano, com recursos para deslocamento, diárias ( entre 7 e 20 por missão e por ano), seguro-saúde e até 10 mil reais para custeio do projeto.

Além disso, também serão apoiadas até 5 missões de estudo para estudantes de doutorado (modalidade sanduíche). As missões receberão recursos para mensalidades, além de auxílios para instalação, deslocamento e seguro-saúde. A duração prevista é de dois anos, mas há a possibilidade de prorrogação por mais 2 anos.

SERVIÇO:

Programa Capes/DFATD

Inscrições: até 30 de abril

Informações: no site da Capes

Veja também: Como aproveitar as oportunidades de trabalho no Canadá