Brasil

Privatização da Sabesp deve ter modelo definido nesta quinta-feira

Segundo manual divulgado pelo governo estadual, os ajustes finais antes do processo de oferta da empresa serão feitos em reunião de hoje

Os ajustes finais antes do processo de oferta da Sabesp serão feitos em reunião nesta quinta-feira, 20 (Victor Moriyama/Bloomberg/Getty Images)

Os ajustes finais antes do processo de oferta da Sabesp serão feitos em reunião nesta quinta-feira, 20 (Victor Moriyama/Bloomberg/Getty Images)

Publicado em 20 de junho de 2024 às 07h06.

O Governo do Estado de São Paulo deve decidir os últimos ajustes sobre o modelo de privatização da Sabesp nesta quinta-feira, 20, em uma reunião Conselho Diretor do Programa Estadual de Desestatização (CDPED). O encontro é a última etapa antes do início do processo de oferta, segundo o cronograma da gestão paulista.

Espera-se que o CDPED delibere sobre o preço mínimo da oferta e sobre o volume mínimo de demanda para o bookbuilding, processo no qual investidores sinalizam a quantidade de papéis que querem comprar e a qual preço.

Segundo a regra determinada pelo governo, o concorrente a sócio de referência precisa atrair um interesse mínimo dos outros investidores para vencer a disputa. O sócio de referência da Sabesp selecionado terá 15% da companhia. A seleção será feita em duas etapas. Na primeira, serão escolhidos os dois acionistas de referência que oferecerem o maior preço. Na segunda etapa, serão formados dois bookbuildings, junto aos outros interessados em investir na empresa como minoritários. O sócio de referência que formar o bookbuilding mais vantajoso será o vencedor.

O acionista de referência assume uma parcela relevante na gestão, com um terço do conselho de administração e poder de indicação do presidente do conselho. Além disso, o sócio não pode vender suas ações por cinco anos. O período se refere ao prazo previsto para a universalização dos serviços. Hoje, o governo detém 50,3% das ações, mas deverá reduzir sua participação para cerca de 20%.

Outros mecanismos que possam propiciar incentivos à obtenção do melhor bookbuilding por parte do estado também serão avaliados, segundo comunicado do governo estadual.

Leia mais

Acompanhe tudo sobre:Sabesp

Mais de Brasil

Aeroporto Salgado Filho retoma embarques e desembarques a partir de hoje; veja como vai funcionar

Lula se encontra com presidente da Itália, Sergio Mattarella, no Palácio do Planalto nesta segunda

Governo de SP entrega 107 obras de infraestrutura turística no 1º semestre e bate recorde

Mais na Exame