Passagem de ciclone na costa sul do Brasil traz chuva e frio; veja a previsão

De forma geral, esta semana será marcada por muita chuva, com alto risco para alagamentos, e frio
Os termômetros variam entre 14 ºC e 26 ºC nesta terça-feira (Nikada/Getty Images)
Os termômetros variam entre 14 ºC e 26 ºC nesta terça-feira (Nikada/Getty Images)
E
Estadão Conteúdo

Publicado em 20/09/2022 às 13:15.

Última atualização em 20/09/2022 às 13:22.

Desde o fim de semana, um ciclone extratropical presente na costa sul do Brasil provocou ventos fortes sobre o oceano, deixando o mar bastante agitado. De acordo com a Climatempo, ainda nesta terça-feira, 20, a circulação de ventos reforça as instabilidades nestas regiões, assim como no Centro-Oeste do País, sendo alto o potencial para temporais. De forma geral, esta semana será marcada por muita chuva, com alto risco para alagamentos, e frio.

“Uma área de baixa pressão atmosférica entre o Paraguai, a Bolívia e o Centro-Oeste do Brasil, combinada com a circulação de ventos, transportam nuvens carregadas sobre grande parte do Paraná, interior de São Paulo, centro e leste de Mato Grosso do Sul e aumenta o risco de temporais”, informou a Climatempo.

A capital paulista ainda terá sol entre nuvens no decorrer do dia e elevação gradativa de temperatura. Os termômetros variam entre 14 ºC e 26 ºC nesta terça-feira. À noite, estão previstas pancadas de chuva com risco de formação de alagamentos. Na quarta-feira, 21, um dia antes do início da primavera, a temperatura fica mais baixa entre 15 ºC e 21 ºC, com dia bastante chuvoso.

Tempo pelo país

Na Região Sul, as temperaturas ficam mais amenas. No centro-leste do Rio Grande do Sul, o tempo fica nublado, com chuva de fraca a moderada e ventos de 40 a 50 km/h no litoral, devido à formação e avanço de uma frente fria pelo estado.

No Norte do Brasil, segundo a Climatempo, o calor e a alta umidade ainda provocam chuva forte no Amazonas, em Roraima, leste do Amapá e litoral do Pará, mas a precipitação é isolada e com baixos volumes. Chove ainda em áreas que sofrem com a estiagem, como Tocantins e sul do Pará.

Já no Nordeste, a previsão é de pouca chuva, mais concentrada no litoral. Em Salvador e Aracaju, o tempo fica mais encoberto e a chuva pode ocorrer em vários momentos do dia.

Na quarta-feira, de acordo com a Metsul, a previsão é de chuva em toda a Região Sul do Brasil, em grande parte de São Paulo e de Mato Grosso do Sul, em pontos de Mato Grosso, Goiás, no Rio de Janeiro e áreas de Minas Gerais.

Grande SP tem menor temperatura mínima para setembro em 30 anos

As cidades da região metropolitana de São Paulo, o que inclui a capital paulista, têm registrado o mês de setembro com a temperatura mínima mais baixa dos últimos 30 anos, de acordo com informações da Defesa Civil estadual.

Segundo o órgão, a média da temperatura para setembro costuma ser estimada em 14,4 ºC , mas neste ano, faltando dez dias para o mês terminar, a média tem sido de 13,3 ºC, ou seja, 1,1 ºC menor.

As temperaturas mais baixas estão associadas à passagem de frentes frias sobre a região, acompanhadas por uma massa de ar frio.

Veja também: 

Prazo para pedir 2ª via do título de eleitor termina na quinta-feira

Leia na íntegra discurso de Bolsonaro na Assembleia Geral da ONU