Estelionatário que teve lucro de R$ 10 mi é preso no RJ

Jorge Baptista Rangel Filho é acusado de chefiar uma quadrilha de advogados que forjavam ações de indenização contra lojas e empresas

São Paulo - Jorge Baptista Rangel Filho, acusado de praticar o crime de estelionato, foi preso na quinta-feira, 23, por policiais da 31ª DP (Ricardo de Albuquerque), no Rio de Janeiro.

Segundo os agentes, Jorge chefiava uma quadrilha de advogados que forjavam ações de indenização contra lojas e empresas, a partir de procurações falsas, obtendo lucros que podem chegar até R$ 10 milhões.

O Disque Denúncia oferecia R$ 2 mil de recompensa por informações que levassem a prisão do criminoso. Contra Jorge existia mandado de prisão preventiva expedido pela 31ª Vara Criminal.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também