Dois anos após interdição, passarela de Congonhas é reaberta

Em outubro de 2015, o equipamento acabou interditado após ser detectado o risco de ruptura da passarela

Foi aberta hoje (26) a nova passarela do Aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista. A estrutura permite a circulação de pedestres por cima da Avenida Washington Luís, principal via da região.

A passagem original, inaugurada em 1974, foi projetada pelo arquiteto Vilanova Artigas. No entanto, em outubro de 2015, o equipamento acabou interditado após ser detectado o risco de ruptura da passarela, que já havia recebido um escoramento preventivo no mês anterior.

O novo projeto, com valor total de R$ 6,7 milhões, foi custeado por um grupo de empresas. Idealizada pelo neto de Vilanova, Marco Artigas, e pela arquiteta Helena Camargo, a proposta dialoga com a antiga passarela ao recuperar a estrutura de concreto da escada em espiral no centro da passagem. As principais estruturas metálicas do novo projeto foram instaladas há pouco mais de um mês, pesando 53 toneladas e com 75 metros de comprimento.

A estimativa da prefeitura é de que 3 mil pessoas usem o equipamento por dia. A passarela está adaptada às normas de acessibilidade, com dois elevadores, rampas nas calçadas e corrimãos. Além disso, há sinalização em braille e piso tátil.

Em janeiro, o projeto deve ser finalizado, com a entrega de uma praça de lazer no local. O espaço terá 262 metros quadrados com bancos, espreguiçadeiras e banheiro público. O conjunto será vigiado por 12 câmeras de segurança.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.