• AALR3 R$ 20,11 -0.94
  • AAPL34 R$ 67,48 0.18
  • ABCB4 R$ 16,81 0.96
  • ABEV3 R$ 13,98 -1.06
  • AERI3 R$ 3,58 -0.83
  • AESB3 R$ 10,69 0.66
  • AGRO3 R$ 31,08 -0.10
  • ALPA4 R$ 20,19 -3.07
  • ALSO3 R$ 19,27 1.37
  • ALUP11 R$ 27,34 0.11
  • AMAR3 R$ 2,37 -1.25
  • AMBP3 R$ 29,51 -2.61
  • AMER3 R$ 21,98 -3.93
  • AMZO34 R$ 64,71 1.47
  • ANIM3 R$ 5,38 0.37
  • ARZZ3 R$ 78,80 -1.25
  • ASAI3 R$ 15,60 -1.89
  • AZUL4 R$ 20,12 -2.75
  • B3SA3 R$ 11,73 -2.41
  • BBAS3 R$ 37,32 -1.27
  • AALR3 R$ 20,11 -0.94
  • AAPL34 R$ 67,48 0.18
  • ABCB4 R$ 16,81 0.96
  • ABEV3 R$ 13,98 -1.06
  • AERI3 R$ 3,58 -0.83
  • AESB3 R$ 10,69 0.66
  • AGRO3 R$ 31,08 -0.10
  • ALPA4 R$ 20,19 -3.07
  • ALSO3 R$ 19,27 1.37
  • ALUP11 R$ 27,34 0.11
  • AMAR3 R$ 2,37 -1.25
  • AMBP3 R$ 29,51 -2.61
  • AMER3 R$ 21,98 -3.93
  • AMZO34 R$ 64,71 1.47
  • ANIM3 R$ 5,38 0.37
  • ARZZ3 R$ 78,80 -1.25
  • ASAI3 R$ 15,60 -1.89
  • AZUL4 R$ 20,12 -2.75
  • B3SA3 R$ 11,73 -2.41
  • BBAS3 R$ 37,32 -1.27
Abra sua conta no BTG

Programa EXAME Agro traz as supermáquinas do campo; veja vídeo

Tratores gigantes e máquinas que custam mais de R$ 4 milhões movimentam mercado bilionário; lançamentos do setor são tema de episódio inédito de série de vídeo
 (Divulgação/divulgação)
(Divulgação/divulgação)
Por Carla AranhaPublicado em 12/05/2022 15:13 | Última atualização em 12/05/2022 16:54Tempo de Leitura: 3 min de leitura

O mercado de tratores, colheitadeiras e maquinário em geral para o campo não para de crescer. Este ano, o setor deverá movimentar 100 bilhões de reais quase 20% mais do que em 2021, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq). Apenas no primeiro trimestre, a indústria de máquinas agrícolas cresceu quase 10%, o dobro da estimativa inicial. O volume de negócios gerado na Agrishow 2022, maior feira do agro do país, realizada no final de abril em Ribeirão Preto (SP), também chamou a atenção: foram movimentados 11,2 bilhões de reais, com foco em equipamentos.

Atentos ao potencial do mercado, grandes empresas do setor, como a John Deere, Case IH e Jacto, vêm reforçando os investimentos em inovação, com tecnologias que estão transformando os equipamentos do campo em supermáquinas. Equipados com sensores, inteligência artificial e sistemas de automação, os novos equipamentos chegam a custar 4 milhões de reais. Os avanços em tecnologia do maquinário do campo são tema deste episódio do programa EXAME Agro. Assista aqui:

 

"A Case IH está ampliando sua capacidade produtiva e devemos ter mais lançamentos de supermáquinas até o final do ano no país”, diz Rodrigo Alandia, diretor de marketing de produto para a América Latina da Case IH. "O Brasil é um de nossos principais focos, já que o agro brasileiro é um dos mais tecnológicos e promissores do mundo", afirma. A Case IH lançou uma colheitadeira com 16 sensores, capazes de coletar dados da operação e autoregular o sistema — o maquinário proporciona um aumento de 15% na produtividade, segundo a empresa.

Máquinas autônomas

A Jacto, outro grande fabricante do setor, lançou uma plantadeira híbrida, que funciona com motor elétrico e a diesel, e um pulverizador autônomo para a citricultura. O equipamento conta com monitoramento remoto e controle interativo por meio de um console. A John Deere, multinacional de origem americana, também vem investindo fortemente no setor — na Agrishow 2022, apresentou o trator 9r, considerado um dos maiores do mundo.

A supermáquina pesa 21 toneladas e tem mais de 3,6 metros de altura. Outra novidade da marca é um capacete com óculos de realidade aumentada  que permite o acesso a informações detalhadas sobre tudo o que acontece no campo em tempo real.

LEIA MAIS:

Notícias exclusivas de agro e o que movimenta o mercado

Você já conhece a newsletter semanal EXAME Agro? Você assina e recebe na sua caixa de e-mail as principais notícias sobre o agronegócio, assim como reportagens especiais sobre os desafios do setor e histórias dos empreendedores que fazem a diferença no campo.

Toda sexta-feira, você também tem acesso a notícias exclusivas, o que move o mercado e artigos de especialistas.