Tecnologia

WhatsApp anuncia criptografia de ponta-a-ponta para backup de conversas

Aplicativo apresentou um documento para discussão técnica sobre novidade com comunidade de usuários

WhatsApp: mensageiro contará com criptografia para mensagens salvas em backup na nuvem (Jaap Arriens/NurPhoto/Getty Images)

WhatsApp: mensageiro contará com criptografia para mensagens salvas em backup na nuvem (Jaap Arriens/NurPhoto/Getty Images)

TL

Thiago Lavado

Publicado em 10 de setembro de 2021 às 12h00.

O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, anunciou nesta sexta-feira, 10, em sua página na rede social, que o WhatsApp completou o desenvolvimento de criptografia de ponta-a-ponta para os backups do mensageiro.

Atualmente, as mensagens ficam salvas em serviços de nuvem como iCloud, da Apple, e Drive, do Google, mas não contam com a proteção adicional que existem nas conversas do app. O backup é opcional e sem ele não é possível reaver mensagens antigas após trocar de smartphone, por exemplo.

Até então, o backup era considerado uma parte frágil do elo de criptografia do WhatsApp, já que uma pessoa que acessasse os serviços de armazenamento em nuvem de um usuário poderia acessar as conversas. Outros apps, como o Signal, não fazem backup de mensagens na nuvem.

“Estamos adicionando outra camada de privacidade e segurança ao WhatsApp: uma opção de criptografia de ponta a ponta para os backups que as pessoas escolhem armazenar no Google Drive ou no iCloud. O WhatsApp é o primeiro serviço global de mensagens nesta escala a oferecer mensagens e backups criptografados de ponta a ponta, e chegar lá foi um desafio técnico muito difícil que exigiu uma estrutura totalmente nova para armazenamento da chave e armazenamento em nuvem em sistemas operacionais", disse Zuckerberg.

A novidade não será implementada de imediato: o WhatsApp está apresentando a função para uma discussão com a comunidade técnica e posteriormente irá implementar na versão beta do app e disponibilizar aos poucos para os usuários.

A empresa compara a novidade a uma caixa depósito em um banco: apenas o dono da conta terá a chave necessária para abrir o backup e ler as mensagens, mantendo-as mais seguras.

  • Acompanhe as principais notícias de tecnologia em tempo real. Assine a EXAME.
Acompanhe tudo sobre:Criptografiaseguranca-digitalWhatsApp

Mais de Tecnologia

Alexa, da Amazon, pode subir preço em versão mais inteligente para competir com ChatGPT

CEO da Nvidia ganha US$ 7,6 bilhões em um só dia

Muito tempo no celular? Veja dicas para diminuir seu tempo de tela

Dez anos de Spotify no Brasil: o app que extinguiu a pirataria e virou sinônimo de música

Mais na Exame