Tecnologia

MS libera por engano autenticação para Windows 8 pirata

Engano da Microsoft pode ter facilitado uso do novo sistema sem a necessidade de pagar por uma chave de autenticação


	Windows 8: Microsoft sofre com as cópias ilegais desde as primeiras versões do sistema
 (REUTERS)

Windows 8: Microsoft sofre com as cópias ilegais desde as primeiras versões do sistema (REUTERS)

DR

Da Redação

Publicado em 21 de novembro de 2012 às 11h48.

São Paulo – Quando a cópia final do Windows 8 vazou na web em meados de agosto, crackers trabalharam para obter acesso à tecnologia de ativação da Microsoft.

As tentativas envolveram o uso dos servidores Key Management Services (KMS) para ativar uma cópia do Windows 8 por 180 dias, requerendo uma reativação a cada seis meses.

Esta manobra dos crackers permitiu a utilização do Windows 8 pirata temporariamente, mas um engano da Microsoft pode ter facilitado ainda mais o uso do novo sistema sem a necessidade de pagar por uma chave de autenticação.

A Microsoft divulgou um plano de upgrade do Media Center para usuários do Windows 8 Pro até 31 de janeiro de 2013. E os crackers descobriram que a chave fornecida pela empresa ativa a cópia do sistema que até então estava sendo utilizada com uma chave KMS temporária.

O aparente engano da empresa significa que crackers podem baixar uma cópia pirata do Windows 8, temporariamente ativá-la pelo KMS e então realizar o upgrade para uma cópia original e completa do sistema.

O site Windows Wave, que identificou a falha, testou e verificou a veracidade do upgrade. A Microsoft até o momento não comentou o erro e a oferta continua disponível para versões piratas do Windows 8.

A pirataria envolvendo a última versão do Windows era esperada. A Microsoft sofre com as cópias ilegais desde as primeiras versões do sistema. E a empresa vem tomando iniciativas, aparentemente por engano, para combater a pirataria e migrar sua base de usuários para o novo sistema.

Recentemente usuários também relataram que o upgrade para o Windows 8 Pro pode ser feito em computadores que rodam uma versão pirata do Windows 7, Vista ou XP.

Acompanhe tudo sobre:CopyrightEmpresasEmpresas americanasempresas-de-tecnologiaMicrosoftTecnologia da informaçãoWindowsWindows 8

Mais de Tecnologia

Uber apresenta instabilidade no app nesta sexta-feira

Zuckerberg diz que reação de Trump após ser baleado foi uma das cenas mais incríveis que já viu

Companhias aéreas retomam operações após apagão cibernético

O que faz a CrowdStrike, empresa por trás do apagão cibernético

Mais na Exame