Acompanhe:

Google lança YouTube Kids, app para crianças, no Brasil

O Google anunciou hoje o lançamento do YouTube Kids no Brasil. O app é voltado para crianças de 2 a 8 anos e dá maior controle aos pais

Modo escuro

Continua após a publicidade
YouTube Kids: app tem conteúdo educativo com foco em crianças entre 2 e 8 anos de idade (Divulgação/Google)

YouTube Kids: app tem conteúdo educativo com foco em crianças entre 2 e 8 anos de idade (Divulgação/Google)

V
Victor Caputo

Publicado em 30 de junho de 2016 às, 12h33.

São Paulo – O Google anunciou hoje a chegada do YouTube Kids ao Brasil. O app tem foco em conteúdo educativo voltado para crianças entre 2 e 8 anos de idade e dá maior controle aos pais do que o aplicativo tradicional do YouTube. O app está sendo lançado para Android e iOS.

O aplicativo foi lançado nos Estados Unidos há mais de um ano e já foi baixado mais de 10 milhões de vezes por lá, de acordo com o Google. Dentro do app, estarão conteúdos já conhecidos das crianças (e de seus pais), como a Galinha Pintadinha e vídeos da Turma da Mônica.

Completamente preparado para crianças, todo o conteúdo dentro do YouTube Kids passa por aprovação. Em um primeiro acesso, o responsável pode configurar algumas especificações.

É possível escolher a faixa de idade da criança. As opções são idade pré-escolar, idade escolar ou todas as idades—o último deve ser interessante para quem tem mais de uma criança usando o app ao mesmo tempo.

O responsável também pode escolher se quer permitir que a criança faça buscas dentro do aplicativo ou não. Caso a opção seja por não permitir buscas, as crianças poderão acessar somente vídeos de quatro categorias: séries, músicas, aprender e explorar.

As buscas, vale dizer, podem ser feitas tanto por texto, quanto por voz—algo interessante para crianças que ainda não foram alfabetizadas. Os pais terão à disposição também um timer. A ideia é facilitar o controle de quanto tempo uma criança pode passar com smartphone ou tablet.

Ao contrário do app tradicional do YouTube, o Kids não faz nenhuma coleta de dados. Algo diferente do aplicativo para “adultos” é o sistema de anúncios.

Publicidade

A publicidade veiculada no YouTube Kids não será clicável e não encaminhará o usuário para outros sites ou aplicativos. Mesmo assim, a simples existência de propagandas no aplicativo pode incomodar alguns pais.

O Google garante que o controle de publicidade será rigoroso. Propagandas de cosméticos, por exemplo, não serão exibidas lá dentro. Apesar desse controle, se o responsável preferir optar por não expor seu filho a publicidade infantil, a melhor opção é não permitir que ele use o YouTube Kids.

Últimas Notícias

Ver mais
GPA lança follow-on mirando de R$ 500 milhões a R$ 1 bi
Exame IN

GPA lança follow-on mirando de R$ 500 milhões a R$ 1 bi

Há 4 horas

Depois do primeiro ano com Extrafarma, Pague Menos acelera conversão de lojas e ganhos de sinergia
Exame IN

Depois do primeiro ano com Extrafarma, Pague Menos acelera conversão de lojas e ganhos de sinergia

Há 6 horas

Aprovação de proposta sobre regulamentação para motorista de app não será fácil, avisa Lula
Brasil

Aprovação de proposta sobre regulamentação para motorista de app não será fácil, avisa Lula

Há 9 horas

Regulação de trabalho por aplicativo é considerada um avanço por empresas do setor
Economia

Regulação de trabalho por aplicativo é considerada um avanço por empresas do setor

Há 9 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais