Exército dos EUA tira site do ar após invasão de hackers

Um grupo chamado Exército Eletrônico Sírio assumiu a autoria do ataque

O Exército dos Estados Unidos disse nesta segunda-feira (8) que havia desabilitado temporariamente seu website após um grupo chamado Exército Eletrônico Sírio ter invadido o endereço na Internet e publicado mensagens. 

O Exército afirmou em comunicado que os hackers comprometeram um elemento de conteúdo do serviço de provedor para o domínio army.mil.

"Após isso ter chegado ao nosso conhecimento, o Exército tomou as medidas preventivas apropriadas para garantir que não haja invasão aos dados do Exército, e desabilitou o website temporariamente", disse o brigadeiro-general Malcolm Frost, chefe de relações públicas. 

O chamado Exército Eletrônico Sírio assumiu a autoria do ataque. A página já voltou ao ar.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.