60% dos usuários de iPhone admitem “lealdade cega” à Apple

Pesquisa realizada pela SIM Only Contracts questionou 2 mil usuários do iPhone para saber como agem quando pretendem trocar de smartphone


	Loja da Apple: principal motivo para usuários não considerarem outros aparelhos é  devido à confiança que têm na Apple e pelo fato de estarem ligados à marca, diz pesquisa
 (Getty Images)

Loja da Apple: principal motivo para usuários não considerarem outros aparelhos é  devido à confiança que têm na Apple e pelo fato de estarem ligados à marca, diz pesquisa (Getty Images)

DR

Da Redação

Publicado em 13 de fevereiro de 2014 às 16h54.

Donos de iPhone definitivamente prezam por seus aparelhos. Segundo uma pesquisa, 60% dos usuários admitem uma “lealdade cega” ao escolher o último lançamento da Apple sem ao menos considerar modelos concorrentes.

A pesquisa, realizada pela SIM Only Contracts, questionou 2 mil usuários do iPhone para saber como agem quando pretendem trocar de smartphone.

Quando perguntados o motivo de não considerar um aparelho diferente, 78% alegaram que não imaginariam ter outro smartphone no momento. 52% também disseram estar “muito impressionados” com o iPhone.

Dos participantes, 54% disseram ter possuído uma versão anterior do iPhone. Questionados sobre o motivo de comprar um segundo aparelho, 37% disseram que foi devido à familiaridade com a interface do iOS.

Para 28% o motivo seria simplesmente o fato de ser o melhor smartphone disponível no momento, enquanto 25% disseram que familiares e amigos possuíam um iPhone e gostariam de manter o dispositivo para utilizar ferramentas da Apple como o Facetime.

Entre os que não possuíam o iPhone antes, 17% revelaram antes ter um BlackBerry, 14% disseram ter um Nokia, 9% um Samsung, 4% um HTC e 2% dispositivos Sony Ericsson.

Sobre os modelos de iPhone utilizados, 52% disseram ter um iPhone 5, 29% têm um iPhone 4 ou 4S, 10% possuem os atuais iPhone 5s ou 5c e 9% ainda utilizam o iPhone 3 ou 3GS.

Para a empresa que conduziu a pesquisa, o principal motivo para os usuários não considerarem outros aparelhos é basicamente devido à confiança que têm na Apple e pelo fato de estarem ligados à marca.

“A vida útil dos produtos é inconstante, então será interessante ver por quanto tempo mais a Apple poderá manter seu relacionamento com os consumidores, considerando também por quanto tempo a empresa conseguirá manter seus concorrentes à deriva”, diz o estudo.

Mais de Tecnologia

Norte-coreanos estão secretamente trabalhando em desenhos lançados em streamings

Pulga atrás da orelha: minha experiência com o Vision Pro, da Apple

Brasil é campeão no Mundial de Robótica em Houston

Em Santa Catarina, médico leva Apple Vision Pro para ser usado em cirurgia ortopédica

Mais na Exame