Shanghai Electric Power diz que está em contato com E.ON

Chinesa disse que estava em contato preliminar com a concessionária de serviços públicos alemã E.ON sobre a possível compra de seus ativos italianos

Hong Kong – A chinesa Shanghai Electric Power disse nesta quarta-feira que estava em contato preliminar com a concessionária de serviços públicos alemã E.ON sobre a possível compra de seus ativos italianos.

A E.ON, cujo valor de mercado despencou em quase três quartos desde 2008 diante da lentidão da economia europeia, se encontra envolvida em uma ampla reestruturação que dividirá seu negócio em dois para que ela possa dar foco à energia renovável.

Como parte desse plano de reestruturação, a gigante alemã também está vendendo ativos não essenciais como suas operações na Itália. Fontes afirmaram à Reuters em 5 de novembro que os ativos italianos podem valer mais de 2 bilhões de euros (2,49 bilhões de dólares).

Uma funcionária da Shanghai Electric Power disse que a companhia chinesa está em estágios iniciais de comunicação com a E.ON sobre esses ativos. Ela se recusou a comentar mais o assunto.

Um porta-voz da E.ON se recusou a comentar se a companhia foi alvo de uma aproximação da Shanghai Electric Power.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.