Nissan Motor retoma sua produção no Egito

Unidade nos arredores do Cairo monta cerca de 10.000 veículos por ano

Tóquio - O fabricante japonês Nissan Motor retomou a produção em sua fábrica no Egito, depois que a calma retornou ao país, após a queda do regime de Hosni Mubarak, informaram nesta segunda-feira fontes da empresa.

A unidade de Nissan nos arredores do Cairo, que monta cerca de 10.000 veículos por ano, retomou neste domingo sua atividade após suspendê-la em 30 de janeiro para garantir a segurança de seus 500 funcionários, no meio da revolta contra o Governo de Mubarak.

Alguns trabalhadores da Nissan que tinham sido retirados do Egito já retornaram a seus postos nessa fábrica, acrescentaram as fontes, citadas pela agência local "Kyodo".

Outras empresas japonesas com representação no país árabe, como Suzuki Motor e Sumitomo Electric, que também tinham suspendido suas operações por causa dos distúrbios, as retomaram na semana passada.

Após a renúncia na sexta-feira passada de Mubarak após 30 anos no poder, o Egito é governado por uma junta militar que anunciou um período de transição rumo a um poder civile

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.