Itaúsa tem lucro líquido consolidado de R$ 2 bi

Os ativos totais da holding ao final de junho somavam R$ 62,760 bilhões, 4,3% maior que no primeiro semestre de 2017
Itaúsa: holding do Itaú, Duratex e Alpargatas encerra o 2º trimestre com lucro menor em relação ao mesmo período de 2017 (Sergio Moraes/Reuters)
Itaúsa: holding do Itaú, Duratex e Alpargatas encerra o 2º trimestre com lucro menor em relação ao mesmo período de 2017 (Sergio Moraes/Reuters)
L
Luana Pavani, do Estadão Conteúdo Publicado em 14/08/2018 às 10:37.

São Paulo - A Itaúsa, holding que engloba Itaú, Alpargatas e Duratex, encerrou o segundo trimestre com lucro líquido consolidado de R$ 2,153 bilhões, queda de 1,77% sobre o mesmo período de 2017. Já no critério recorrente, o resultado foi de R$ 2,172 bilhões, 10,7% menor.

No primeiro semestre, o lucro líquido consolidado foi 10,7% maior, para R$ 4,573 bilhões. A companhia divulga ainda lucro líquido individual, da controladora, que ficou em R$ 4,447 bilhões, um aumento de 7,9%. No semestre, o resultado recorrente cresceu 1,1%, para R$ 4,341 bilhões.

Os ativos totais da holding ao final de junho somavam R$ 62,760 bilhões, 4,3% maior que no primeiro semestre de 2017.

O patrimônio líquido subiu 4,8%, para R$ 51,081 bilhões, enquanto o retorno anualizado sobre o patrimônio líquido médio ficou em 17,6%, maior que o de 17,4% nos primeiros seis meses de 2017.

No segundo trimestre de 2018, o Resultado de Equivalência Patrimonial Recorrente foi de R$ 2,180 bilhões, queda de 8,7% em relação ao mesmo período de 2017, e no semestre ficou estável, em R$ 4,600 bilhões.