Grupo chinês compra 15% de produtora brasileira de nióbio

A brasileira CBMM é a maior produtora mundial de nióbio, metal usado, por exemplo, para a produção de aço inoxidável

Xangai - O chinês Citic Group se associou aos produtores de aço inoxidável Taiyuan Iron and Steel e Baosteel para comprar 15 por cento da produtora de nióbio Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM), por 1,95 bilhão de dólares, divulgou nesta quinta-feira a agência oficial de notícias da China, Xinhua.

A CBMM é a maior produtora mundial de nióbio, metal usado, por exemplo, para a produção de aço inoxidável.

Um consórcio de companhias japonesas e sul-coreanas já tinha comprado 15 por cento da CBMM em março, por 1,8 bilhão de dólares.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.