Cosan deve ter salto nos lucros com aumento do tráfego após quarentena

Vendas de combustíveis da Cosan devem ter subido no terceiro trimestre, assim como as de açúcar, gás natural e lubrificantes

Depois de um segundo trimestre sofrido devido à diminuição do tráfego de veículos por causa da quarentena para tentar desacelerar a pandemia do novo coronavírus, as distribuidoras de combustíveis devem ter começado a se recuperar a partir de julho, segundo os analistas do mercado financeiro.

Quer saber quais são as melhores oportunidades de investimentos no setor de energia e combustíveis? Leia as análises e relatórios da EXAME Research

Se, geralmente, para avaliar o desempenho de uma empresa, os especialistas comparam o balanço de determinado trimestre com o do mesmo período do ano anterior, neste completamente atípico 2020 a regra tem sido contrapor os resultados do terceiro trimestre aos do segundo. Assim, é possível verificar se e como as companhias têm se recuperado do pior momento do surto de covid-19 até agora.

Para a Cosan – produtora de açúcar e acionista da rede de postos de combustíveis Raízen, da distribuidora de gás natural Comgás e da comercializadora de lubrificantes Moove –, a melhora esperada é bastante significativa. A empresa divulga o balanço do terceiro trimestre do ano após o fechamento do mercado nesta sexta-feira, 13. Nas contas do banco de investimentos Credit Suisse, a geração de caixa da Cosan deve ter se multiplicado por três entre o segundo e o terceiro trimestre, atingindo 1,6 bilhão de reais. O prejuízo de 174 milhões de reais do período de abril a junho deve ter se transformado em um lucro de 409 milhões reais entre julho e setembro.

Além de uma melhora de 812% na geração de caixa da unidade de combustíveis da Cosan, que deve ter atingido 593 milhões de reais, o Credit Suisse espera também um aumento de vendas de açúcar, maior comercialização de gás, com espaço para reposição da inflação nos preços, e elevação das receitas com lubrificantes. "Os resultados da Cosan devem ter saído do fundo do poço no segundo trimestre, mas precisam seguir avançando para atender as expectativas do mercado", Regis Cardoso, analista do Credit Suisse, escreveu em relatório a clientes no início da temporada de divulgação de resultados. O banco vê o preço justo da ação da Cosan em 80 reais, o que significaria uma valorização de 6,9% em relação ao preço de fechamento do pregão de ontem.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.