BHP Billiton mais que dobra dividendos após superar prejuízo

Empresa saiu de prejuízo de US$ 5,67 bilhões para lucro de US$ 3,2 bilhões no primeiro semestre fiscal, que vai até dezembro

Sydney - A BHP Billiton, maior mineradora do mundo em valor de mercado, divulgou hoje que teve lucro líquido de US$ 3,2 bilhões em seu primeiro semestre fiscal (até dezembro), revertendo prejuízo de US$ 5,67 bilhões registrado em igual período do ano anterior.

A volta à lucratividade refletiu uma recuperação nos preços de commodities, esforços para redução de custos e a ausência de grandes baixas contábeis, que haviam pesado no resultado de um ano antes.

Com o bom desempenho, a empresa anglo-australiana mais do que dobrou seu dividendo por ação, de US$ 0,16 para US$ 0,40.

Já lucro subjacente da BHP saltou para US$ 3,24 bilhões no semestre até dezembro, de US$ 412 milhões no mesmo intervalo do ano anterior.

A BHP também informou que houve "progresso substancial" em programas sociais e de recuperação ambiental após o rompimento de uma barragem da Samarco - joint venture da empresa com a Vale - em Mariana (Minas Gerais) em 2015.

O acidente causou uma avalanche de dejetos de mineração que matou 19 pessoas e poluiu centenas de quilômetros de rios.

Fonte: Dow Jones Newswires.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.