Negócios

Bentley prepara SUV para brigar com Land Rover e BMW

Montadora vai investir mais de US$ 1 bilhão para desenvolver o modelo - que deve chegar ao mercado em 2016


	Bentley: montadora vai explorar um novo mercado
 (Divulgação)

Bentley: montadora vai explorar um novo mercado (Divulgação)

Daniela Barbosa

Daniela Barbosa

Publicado em 24 de julho de 2013 às 10h28.

São Paulo – Famosa por suas limusines e cupês, a Bentley, que pertence ao grupo Volkswagen, está prestes a estrear em um novo mercado de automóveis: o da SUV. A montadora anunciou que vai investir mais de 1 bilhão de dólares para desenvolver o utilitário esportivo, que deve chegar ao mercado em 2016. Além de ampliar seu portfólio, o modelo dará fôlego para que a companhia parta para a briga com montadoras que já dominam esse nicho de mercado, como a Land Rover e a BMW.

De acordo com comunicado divulgado pela empresa, o SUV será produzido na unidade de Crewe, no Reino Unido, e deve gerar cerca de 1.000 empregos para a região. "Nossos fãs estão ansiosos para o lançamento do primeiro utilitário da Bentley e, por isso, vamos fazer desse novo modelo o mais poderoso, bem-sucedido e exclusivo carro da nossa marca”, disse Martin Winterkorn , presidente do grupo VW, em nota.

O segmento de SUV é um dos que mais crescem na indústria global de automóveis e ainda tem muito para expandir. Segundo estimativas da LMC Automotive, até 2015, as vendas devem chegar a mais de 16 milhões de unidades em todo o mundo Hoje esse mercado já representa 16% das vendas globais de carros e a Bentley não pretende ficar de fora dele.

Concorrente

A Jaguar Land Rover é uma das principais montadoras que produzem SUVs de luxo e recentemente anunciou que pretende investir mais de 2 bilhões de dólares por ano  para expandir sua marca e presença global. No ano passado, a montadora anunciou recorde de vendas, com 355.000 unidades comercializadas em todo o mundo e crescimento de 30% na comparação com 2011. 

Segundo Wolfgang Schreiber, presidente da Bentley, o SUV será fundamental para o crescimento da montadora em todo o mundo. “Acreditamos que o modelo vai garantir a expansão sustentável da companhia no longo prazo”, afirmou o executivo por meio de comunicado.

O SUV da Bentley ainda não tem nem nome e a montadora não divulgou o volume que pretende produzir, muito menos o seu valor, mas se seguir o preço dos demais modelos da montadora, no Brasil, o utilitário não deve custar menos que 1 milhão de reais.

Acompanhe tudo sobre:AutoindústriaBentleyBMWCarrosEmpresasEmpresas alemãsLand RoverMontadorasSUVVolkswagen

Mais de Negócios

Smart Fit compra rede de estúdios Velocity por R$ 183 milhões

Do gim ao jambu: duas marcas de bebidas alcoólicas se unem e miram receita de R$ 5 milhões

Vem aí a terceira edição do Ranking EXAME Negócios em Expansão

Nos 30 anos do Real, Mercado Pago lança cédula celebrativa

Mais na Exame