Sociais-Democratas ultrapassam Merkel em pesquisa eleitoral

Pesquisa colocou o SPD, que nomeou Martin Schulz como candidato, com 32%, enquanto o bloco conservador de Merkel teria 31%

Berlim - O Partido Social-Democrata da Alemanha (SPD) ultrapassou os conservadores da chanceler Angela Merkel em pesquisa realizada pela Infratest pela primeira vez desde outubro de 2006, a poucos meses da eleição federal de setembro.

A pesquisa colocou o SPD, que ganhou força após nomear o ex-presidente do Parlamento Europeu Martin Schulz como candidato, com 32 por cento, enquanto o bloco conservador de Merkel teria 31 por cento.

O partido anti-imigração Alternativa para a Alemanha (AfD) teria 11 por cento, os Verdes conseguiriam 8 por cento e o Linke, de extrema-esquerda, teria 7 por cento.

A pesquisa com 1.047 pessoas foi realizada de 20 a 22 de fevereiro.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.