Ontem foi primeiro dia real de trégua, diz Poroshenko

Petro Poroshenko, presidente ucraniano, disse que ontem foi o primeiro dia em que trégua entre forças do governo e separatistas foi cumprida plenamente

Kiev - O presidente da Ucrânia, Petro Poroshenko, disse nesta quinta-feira que ontem foi o primeiro dia em que a trégua entre as forças governamentais e os separatistas pró-Rússia no país foi plenamente cumprida.

"Hoje é a primeira vez em muitos dias e meses no qual a Ucrânia não lamenta nem um só morto nem ferido", disse o presidente em um congresso de juízes realizado em Kiev.

No entanto, as autoridades municipais de Donetsk informaram que foi disparado fogo de artilharia durante a jornada de hoje em praticamente todos os bairros da cidade, habitada por quase um milhão de pessoas antes da explosão do conflito armado há quatro meses.

Além disso, os rebeldes da autoproclamada República Popular de Donetsk (RPD) denunciaram que as forças de Kiev dispararam canhões contra a capital da região durante a madrugada passada. Os separatistas afirmaram que há vítimas entre a população civil.

Segundo os sublevados, as forças ucranianas também teriam disparado contra as cidades de Makeyevka e Avdeyevka.

Por outro lado, o coordenador do portal "Resistência Informativa", Dmitri Timchuk, muito próximos às forças de Kiev, denunciou 22 episódios de violação do cessar-fogo por parte das milícias pró-Rússia nas últimas 24 horas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.