Filho de ex-presidente da Iaaf é acusado de violações éticas

Um filho do ex-presidente da Iaaf Lamine Diack e três outras autoridades esportivas foram acusados de esconder violações de doping de atleta

Um filho do ex-presidente da Iaaf Lamine Diack e três outras autoridades esportivas foram acusados de esconder violações de doping da atleta russa Liliya Shobukhova, disse o presidente da Comissão de Ética da Iaaf nesta sexta-feira.

Papa Massata Diack, ex-consultor da entidade que comanda o esporte, foi acusado de várias violações ao código de ética da Iaaf, afirmou Michael Beloff em comunicado.

Os outros acusados são Valentin Balakhnichev, ex-presidente da federação russa de atletismo e ex-tesoureiro da Iaaf; Alexei Melnikov, ex-treinador russo de longa distância, e Gabriel Dolle, ex-diretor do departamento antidoping da Iaaf.

Audiências relacionadas aos casos estão programadas para acontecer em Londres no mês que vem, acrescentou Beloff.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também