EUA registram mais de 3 mil mortes por coronavírus e superam a China

No mundo, mais de 39 mil mortes por coronavírus foram confirmadas e 800 mil pessoas foram infectadas

As mortes relacionadas ao coronavírus nos Estados Unidos chegaram a 3.393 na terça-feira, superando o número total de mortes reportadas na China e atingindo o terceiro patamar mais alto do mundo, atrás da Itália e da Espanha, segundo uma contagem da Reuters.

As autoridades de saúde pediram aos norte-americanos que sigam as determinações de ficarem em casa e outras medidas para conter a propagação do vírus, que se originou na China em dezembro.

Globalmente, existem agora mais de 800.000 casos da doença altamente contagiosa causada pelo vírus e mais de 39.000 mortes.

A Itália registrou 11.591 mortes, seguida pela Espanha, com 8.189.

Nova York

O número de pessoas que testaram positivo para o coronavírus em Nova York subiu em mais de 9 mil em relação ao dia anterior, a 75.795, com as mortes subindo 27% para 1.550, disse o governador Andrew Cuomo nesta terça-feira.

"O vírus é mais poderoso, mais perigoso do que esperávamos", disse Cuomo em um briefing diário. "Ainda estamos subindo a montanha, e a principal batalha é no topo da montanha."

As últimas notícias da pandemia do novo coronavírus:

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também