Marketing

Metrô é multada por propaganda irregular

Empresa deve pagar multa de R$ 5 mil e retirar adesivos com propaganda do governo estadual de seus vagões

Metrô trazia adesivos com slogan acompanhado de uma marca d'água com programa do governo do estado (.)

Metrô trazia adesivos com slogan acompanhado de uma marca d'água com programa do governo do estado (.)

DR

Da Redação

Publicado em 10 de agosto de 2010 às 12h48.

São Paulo - A Justiça Eleitoral multou a Companhia do Metropolitano de São Paulo - Metrô - por suposta progaganda irregular do governo do estado. Além de retirar todos os adesivos referentes à compra de novos trens, relativos ao programa "expansão São Paulo" - a empresa ainda terá de pagar uma multa de R$5 mil.

A decisão foi tomada ontem, pelo juiz eleitoral Luis Francisco Aguilar Cortez, depois de um pedido de representação da Procuradoria Regional Eleitoral em São Paulo.

A representação teria sido motivada por uma notícia divulgada no jornal MTV na Rua. De acordo com o jornal, os adesivos no metrô apresentavam uma frase que poderia ser caracterizada como propaganda institucional, cuja veiculação está proibida até as eleições.

Nos vagões, o metrô trazia adesivos com o slogan "Novo Trem do Metrô: serão 107 novos trens para o Metrô e CPTM", acompanhado de uma marca d'água com o programa do governo "Expansão SP".

Leia mais notícias sobre as Eleições 2010

Siga as últimas notícias de Marketing no Twitter

Acompanhe tudo sobre:EleiçõesEleições 2010EmpresasEmpresas estataisEstatais brasileirasJustiçaMetrô de São Paulomobilidade-urbanaPolítica no BrasilPublicidadeTransporte públicotransportes-no-brasil

Mais de Marketing

De R$ 250 a R$ 6.400, show de Andrea Bocelli movimenta experiências no Allianz Parque

Popeyes vai dar frango frito de graça para pessoas com menos de 1,55m

Ex-BBB Bia do Brás estrela nova campanha do Ton, da Stone

Cauã Reymond ativa sua conta do TikTok em parceria com marca de moda

Mais na Exame