Mercados

10 notícias para lidar bem com os mercados nesta terça-feira

Mercado olha para os resultados da ALL, Gol e MRV; Vale começa a produzir níquel na unidade de Goro

Gol se negou a regularizar as escalas dos funcionários até o dia 20 (.)

Gol se negou a regularizar as escalas dos funcionários até o dia 20 (.)

DR

Da Redação

Publicado em 10 de agosto de 2010 às 14h10.

São Paulo - Aqui está o que você precisa saber:

1 - Lucro da MRV mais que dobra no 2º trimestre. A construtora e incorporadora MRV Engenharia apresentou nesta segunda-feira um salto de 103,6 por cento no lucro líquido para o segundo trimestre, somando 150,5 milhões, o melhor resultado já obtido pela companhia no período.

2 - Lucro da ALL mais que dobra no 2o tri, para R$136,4 mi.  A América Latina Logística encerrou o segundo trimestre com lucro líquido mais que duas vezes maior que o obtido um ano antes com menores despesas financeiras e aumento da receita. Para o atual semestre, a companhia tem "perspectivas promissoras", com o período de colheita no Brasil e a safra de meio do ano na região do Mato Grosso tendo um início forte.

3 - Gol tem prejuízo de R$51,9 milhões no 2o trimestre. A companhia aérea Gol divulgou na madrugada da última segunda-feira um prejuízo de 51,9 milhões de reais no segundo trimestre deste ano, que se compara ao lucro de 353,7 milhões de reais um ano antes.

4 - Goro produz primeiras quantidades de níquel, diz Vale. A mineradora brasileira Vale informou nesta segunda-feira que a unidade de Goro, na Nova Caledônia, no sul do Pacífico, produziu as primeiras quantidades de produtos de metal de níquel.

5 - Repsol registra pedido de IPO na CVM. A Repsol registrou nesta segunda-feira um pedido para realizar uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) no Brasil. O documento, enviado à CVM (Comissão de Valores Mobiliários), indica que os recursos a serem captados pela oferta serão destinados ao desenvolvimento dos poços da companhia até que eles gerem o fluxo de caixa suficiente para se auto-financiarem.

6 - Petrobras pressiona por fatia nacional menor no pré-sal. A Petrobras e a Agência Nacional do Petróleo (ANP) travam uma guerra de bastidores em relação à participação da indústria nacional na exploração das reservas de petróleo que serão repassadas pela União à estatal.

7 - Bolsas da Europa abrem a terça-feira em baixa. As principais bolsas de valores da Europa abriram em baixa nesta terça-feira, depois de terem encerrado o pregão passado em alta, puxadas pelos dados positivos das exportações alemãs, que impulsionaram as ações das empresas do setor de commodities.

8 - Superávit comercial da China dispara, pondo iuane em foco. O superávit comercial da China cresceu de forma inesperada em julho, atingindo a máxima em 18 meses e dando voz a críticas de que Pequim não está tomando medidas suficientes para a apreciação do iuan.

9 - IPC-Fipe acelera para 0,20% na primeira prévia de agosto. A inflação na cidade de São Paulo, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), acelerou para 0,20% na primeira quadrissemana de agosto, ante a elevação de 0,17% no fechamento de julho.

10 - Gol se nega a regularizar escalas até dia 20, afirma MP. Em audiência realizada ontem pelo Ministério Público do Trabalho, a Gol Linhas Aéreas se recusou a regularizar, até o dia 20 deste mês, as escalas de trabalho dos seus funcionários. Estavam presentes na audiência o Sindicato Nacional dos Aeronautas, o Sindicato Nacional dos Aeroviários e a companhia aérea.

Siga as últimas notícias de Mercados no Twitter.

Acompanhe tudo sobre:AçõesAviaçãoCapitalização da Petrobrascompanhias-aereasConstrução civilCyrelaEmpresasEmpresas abertasEmpresas brasileirasEmpresas estataisEstatais brasileirasGás e combustíveisGol Linhas AéreasIndústria do petróleoPetrobrasPetróleoRumo ALLServiçosSetor de transporte

Mais de Mercados

É recorde (quase) todo dia: o que explica o otimismo de investidores com as bolsas de Nova York

STJ determina indenização de R$ 5 bilhões à CSN por disputa na Usiminas

Berkshire Hathaway, de Warren Buffett, aumenta aposta no mercado de petróleo

Nvidia ultrapassa Microsoft e é a empresa mais valiosa do mundo

Mais na Exame