Marketing

Beto Carrero World vai mudar de nome

Fechado devido a pandemia do novo coronavírus, o parque reabriu no dia 12 de junho, com a capacidade de público reduzida em 50%

Beto Carrero: anúncio fez o nome do parque entrar nos trending topics do Twitter na noite de hoje. Internautas não gostaram da notícia (Vinicius Bacarin/Getty Images)

Beto Carrero: anúncio fez o nome do parque entrar nos trending topics do Twitter na noite de hoje. Internautas não gostaram da notícia (Vinicius Bacarin/Getty Images)

Janaína Ribeiro

Janaína Ribeiro

Publicado em 30 de julho de 2020 às 22h56.

Última atualização em 31 de julho de 2020 às 07h13.

O parque Beto Carrero World, localizado em Penha, Santa Catarina, publicou em seu perfil no Twitter que vai mudar de nome.

Agora, não se sabe se a mudança será definitiva ou temporária. A assessoria de imprensa não comentou, mas informou que dará detalhes do assunto nesta sexta-feira, 31.

O anúncio fez o nome do parque entrar nos trend topics do Twitter na noite de hoje. Internautas não gostaram da notícia e logo se pronunciaram:

"Acho que vão virar filial da Disney na América Latina"

"Apaga isso, por favor, tem um monte de gente que está chorando; você não tem empatia pela saúde mental das pessoas?"

"Como assim vão mudar o nome do Beto Carrero World? Eu ficaria bem puto se mudassem o nome do meu legado depois que eu morresse. Falta de respeito".

"Foi comprado. Não há outra explicação. Se for para a Disney, pronto, já era o Beto Carrero. Tudo que a Disney toca mata".

"Nem pensar! Esse parque é legitimamente brasileiro, é a identidade do Sérgio Murad". 

Fechado devido a pandemia do novo coronavírus, o parque reabriu no dia 12 de junho, com a capacidade de público reduzida em 50%. Porém, foram relatados nas redes sociais aglomerações na arquibancada externa do parque durante apresentações.

O parque foi inaugurado em 28 de dezembro de 1991. Seu fundador, João Batista Sérgio Murad, morreu em 2008 durante uma cirurgia no coração.

Os herdeiros do parque chegaram a aceitar proposta de compra feita pelo Madero e pela Cacau Show em 2019, mas desistiram de vender o complexo de entretenimento avaliado em mais de R$ 1 bilhão.

Acompanhe tudo sobre:Parques de diversõesSanta CatarinaTwitter

Mais de Marketing

Como se antecipar e identificar tendências de mercado antes da concorrência?

Pizza Hut dará pizza grátis para quem tiver tatuagem da iguaria

PMEs aumentam investimento em publicidade e veem alta na aquisição de novos clientes

Stanley dobra aposta na Geração Z e lança copo Quencher com Olivia Rodrigo

Mais na Exame