A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

50 startups: Deskfy centraliza tarefas do marketing e foca em eficiência

Deskfy tem a intenção de ser uma parceira para os times de marketing das companhias e agências publicitárias ao centralizar ferramentas, promover a gestão e customização

Esta reportagem faz parte da série "50 startups que mudam o Brasil", publicada na EXAME. Conheça as demais empresas selecionadas.

Com base na metodologia SaaS, um sistema integrado para análise de dados, Victor Dellorto e Lucas Braum fundaram a Desfky no ínicio de 2018. Depois de adquirirem experiência em multinacionais de tecnologia, eles tinham o interesse de desenvolver juntos um produto que integrasse design, experiência e inovação.

A pandemia está mexendo com a economia e os negócios em todo o mundo. Venha aprender o que realmente importa na EXAME Research

Assim surgiu a Deskfy, com a intenção de ser uma parceira para os times de marketing das companhias e agências publicitárias ao centralizar ferramentas, promover a gestão e customização de arquivos, e a distribuição materiais para diferentes pontos de contato com o cliente, como as lojas.

"São sete módulos que focam em organização, eficiência e padronização. Clientes que têm franquias, por exemplo, conseguem facilmente distribuir materiais para as unidades de diferentes países", diz Dellorto. Atualmente, são cerca de 110 clientes, que conseguem agilidade e corte de custos ao digitalizar seus processos e fazer com que os times de marketing trabalhem de modo mais estratégico.

O produto chamou a atenção de diferentes investidores que, somados ao longo dos anos, já investiram cerca de 2 milhões de reais. "Similar a serviços como Netflix e Spotify, esse modelo de negócio requer uma alavancagem de capital grande no início e a construção de bons produtos, mas quando consegue passar da zona mais difícil e recuperar o valor investido, a tendência é a do crescimento que estamos buscando", afirma Dellorto.

Para ele, a covid-19 digitalizou diferentes setores e não foi diferente no marketing. Pois, não basta mais estar no digital, é preciso também operar de forma digitalizada. Mas, as empresas que perceberam isso começaram a utilizar muitas ferramentas como Monday, Excel e outras de forma descentralizada, não havendo uma gestão profunda dos trabalhos e menos ainda quando os times estão espalhados ao redor do Brasil ou mundo.

"O Deskfy unifica a experiência da comunicação entre trade marketing, digital e a agência, por exemplo, ao possibilitar todos os processos em uma única ferramenta", diz. Com a startup, clientes como Domino’s Pizza, Audi, Arezzo e Tramontina conseguem produzir a comunicação e também espalhar peças para franqueados de forma prática.

O objetivo da startup agora é crescer três vezes até 2022 e iniciar uma operação internacional, seguindo o exemplo de empresas brasileiras como Rock Content.

De 0 a 10 quanto você recomendaria Exame para um amigo ou parente?

 

Clicando em um dos números acima e finalizando sua avaliação você nos ajudará a melhorar ainda mais.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também