Invest

Banco do Brasil (BBAS3) vai pagar R$ 2,6 bilhões em dividendos e JCP

Estatal irá distribuir R$ 0,16 em dividendos e R$ 0,29 em JCP por cada ação; pagamento será realizado em junho

Banco do Brasil vai pagar R$ 2,6 bilhões em dividendos e JCP referentes ao 1º trimestre (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Banco do Brasil vai pagar R$ 2,6 bilhões em dividendos e JCP referentes ao 1º trimestre (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Beatriz Quesada
Beatriz Quesada

Repórter de Invest

Publicado em 8 de maio de 2024 às 19h09.

Última atualização em 8 de maio de 2024 às 19h57.

O Banco do Brasil (BBAS3) anunciou na noite desta quarta-feira, 8, que irá pagar R$ 2,6 bilhões em dividendos e juros sobre capital próprio (JCP) referentes aos resultados do primeiro trimestre de 2024

Serão pagos R$ 940 milhões em dividendos e R$ 1,673 bilhão via JCP.

Quanto o Banco do Brasil (BBAS3) vai pagar em dividendos por ação?

A distribuição será de R$ 0,16478568141 por ação no caso dos dividendos e de R$ 0,29316146583 em JCP. 

Qual a data-com para receber os dividendos do Banco do Brasil (BBAS3)?

O pagamento terá como base a posição acionária de 11 de junho (data com). As ações serão negociadas sem direito aos proventos a partir do dia 12 de junho.

Quando os dividendos do Banco do Brasil (BBAS3) serão pagos?

Os proventos serão pagos no dia 21 de junho, tanto no caso dos dividendos quanto para o JCP.

Banco do Brasil no 1º tri

O Banco do Brasil (BBAS3) apresentou lucro líquido ajustado de R$ 9,3 bilhões no primeiro trimestre deste ano, avanço de 8,8% frente ao mesmo período de 2023. Na comparação trimestral, o indicador caiu 1,5%.

O resultado ficou em linha da expectativa de analistas. O consenso da LSEG (antiga Refinitiv) esperava um resultado de R$ 9,09 bilhões. 

Acompanhe tudo sobre:DividendosBB – Banco do Brasil

Mais de Invest

"Se Lula indicar nome pior que Galípolo para o BC, o mercado entrará em pânico", diz Marilia Fontes

Mesmo chamada de ‘perda fixa’ a renda fixa pode pagar até IPCA + 7,5%; veja 2 títulos

Ibovespa opera em alta e tenta sustentar os 121 mil pontos com ajuda de Petrobras (PETR4)

Receita libera consulta ao segundo lote do IR 2024; veja quando a restituição será depositada

Mais na Exame