Caixa paga o abono salarial para nascidos entre julho e novembro

O pagamento será realizado por meio da conta poupança digital para os trabalhadores que não possuem nenhum outro tipo de conta na Caixa
Abono salarial: tem direito ao benefício o trabalhador inscrito no PIS há pelo menos cinco anos e que tenha trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2019 (DircinhaSW/Getty Images)
Abono salarial: tem direito ao benefício o trabalhador inscrito no PIS há pelo menos cinco anos e que tenha trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2019 (DircinhaSW/Getty Images)
Por Karla MamonaPublicado em 07/12/2020 09:13 | Última atualização em 07/12/2020 09:13Tempo de Leitura: 3 min de leitura

A Caixa inicia na terça-feira, 8, o pagamento do abono salarial calendário 2020/2021 para os trabalhadores nascidos em entre julho e novembro que têm direito ao benefício mas ainda não sacaram e os trabalhadores que tiveram as declarações da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS/eSocial) ano-base 2019 entregues fora do prazo ou retificadas pelos empregadores, conforme calendário de pagamento.

Sabia que a velha poupança bateu recorde na pandemia? É o jeito certo de começar a poupar? Aprenda na EXAME Academy

A partir do dia 15 de dezembro, é a vez dos trabalhadores que fazem aniversário em dezembro, seguindo o calendário oficial de pagamentos, baseado no mês de nascimento. Confira, a seguir, o cronograma completo:

Calendário abono salarial

(Caixa/Divulgação/Divulgação)

Os beneficiários correntistas da Caixa nascidos entre julho e dezembro já receberam o benefício por meio de crédito em conta no último dia 30 de junho. 

Poupança social 

O pagamento do abono salarial será realizado por meio da conta poupança social digital para os trabalhadores que não possuem nenhum outro tipo de conta corrente ou poupança na Caixa.

As contas digitais serão abertas de forma automática e gratuita pela Caixa para o recebimento do benefício, sem a necessidade de apresentação de documentos e comparecimento à agência, permitindo a movimentação por meio do aplicativo Caixa Tem.

Para quem já tem conta na Caixa, nada muda. Os créditos serão realizados nas contas existentes e os valores poderão ser movimentados com a utilização do cartão da conta ou ainda pelo Internet Banking Caixa e pelo app da Caixa .

Nos casos em que o valor do abono salarial não possa ser creditado em conta existente ou em conta poupança social digital, o trabalhador poderá realizar o saque com o cartão do cidadão e senha nos terminais de autoatendimento, unidades lotéricas e nos Correspondentes Caixa Aqui, bem como nas agências.

Quem tem direito ao abono salarial 2020/2021

Tem direito ao benefício o trabalhador inscrito no PIS há pelo menos cinco anos e que tenha trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2019, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos.

Também é necessário que os dados tenham sido informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) ou eSocial, conforme categoria da empresa.

Recebem o abono salarial na Caixa os trabalhadores vinculados a entidades e empresas privadas. As pessoas que trabalham no setor público possuem inscrição Pasep e recebem o benefício no Banco do Brasil.

Abono Salarial 2019/2020

Cerca de 2 milhões de trabalhadores que não realizaram o saque do abono salarial do calendário anterior, finalizado em 29 de maio, ainda podem sacar os valores.

O prazo vai até 30 de junho de 2021. O saque pode ser realizado nos canais de atendimento com cartão e senha cidadão, ou nas agências da Caixa.

A consulta do direito ao benefício, bem como do valor disponibilizado, pode ser realizada por meio do app Caixa Trabalhador, pelo atendimento Caixa ao Cidadão — 0800 726 0207 e no site.