Invest

Petrobras fecha contrato de US$ 392 milhões com Constellation para afretamento de sonda

Trabalho inclui perfuração, completação e intervenção de poços em lâminas d'água de até 2,4 mil metros

Petrobras: companhia estatal é presidida por Jean Paul Prates (Wagner Meier/Getty Images)

Petrobras: companhia estatal é presidida por Jean Paul Prates (Wagner Meier/Getty Images)

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Agência de notícias

Publicado em 27 de setembro de 2023 às 15h30.

A empresa de sondas offshore Constellation formalizou nesta quarta-feira, 27, um novo contrato com a Petrobras para o afretamento e operação da sonda semissubmersível Alpha Star. O contrato prevê pagamento de US$ 392 milhões pela estatal pelo uso e operação da sonda.

O trabalho para a Petrobras inclui perfuração, completação e intervenção de poços em lâminas d'água de até 2,4 mil metros, detalha a Constellation.

Fique por dentro das últimas notícias no WhatsApp da Exame. Inscreva-se aqui 👉 https://t.ly/6ORRo

A unidade será utilizada na costa brasileira e tem o início de suas atividades para a Petrobras previsto para o quarto trimestre de 2024. Hoje, a sonda está contratada pela 3R Petroleum e as atividades na Petrobras terão início logo após o encerramento do contrato atual. Antes da 3R, o equipamento foi utilizado em campanha de perfuração da também petroleira independente Enauta, no campo de Atlanta, na Bacia de Santos.

Segundo a Constellation, esse é o sétimo contrato do tipo firmado pela empresa com a Petrobras, seu maior cliente.

A Alpha Star é uma sonda semissubmersível de posicionamento dinâmico, ou seja, que não fica ancorada. Equipada para operar em profundidades típicas do pré-sal, essa sonda foi construída no ano de 2011, sendo capaz de perfurar em águas com profundidades de até 9 mil pés e realização de poços de até 30 mil pés de profundidade.

"A recuperação do segmento de óleo e gás tem impulsionado a retomada dos investimentos pelas empresas operadoras de exploração e produção, e o consequente aumento da demanda pela prestação de serviços offshore", disse, em nota, o presidente da Constellation, Rodrigo Ribeiro.

"O novo contrato reforça nossa parceria de longo prazo com a Petrobras, nosso maior cliente, e a posição da Constellation de líder brasileira no setor de perfuração e completação de poços de óleo e gás offshore, com 100% de nossas unidades contratadas" concluiu Ribeiro.

Acompanhe tudo sobre:Petrobras

Mais de Invest

Como cancelar cartão de crédito? Confira passo a passo

"O Fed errou muito nos últimos anos e precisa mudar de postura", diz Luiz Fernando Figueiredo

Bolsas da Europa fecham em baixa, devolvendo parte dos ganhos após recordes recentes

Walmart (WALM34) registra lucro líquido de US$ 5,1 bilhões e supera expectativas no 1T24

Mais na Exame