Acompanhe:

A empresa de engenharia submarina Oceânica informou por meio de fato relevante que pretende realizar uma oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). A oferta, de acordo com a empresa, deverá ser primária (com emissão de novas ações e consequente capitalização da empresa) e secundária (com venda de participação de acionistas). Se confirmado, o IPO quebrará o jejum de ofertas inicias na bolsa brasileira, que já dura mais de dois anos.

A pretensão é realizar o IPO por meio da Resolução nº 160 da CVM. Foram contatados para coordenar a oferta os bancos BTG Pactual (do mesmo grupo controlador da Exame), Itaú BBA, UBS Brasil, Bradesco BBI, Santander e o ABC Brasil.

A Oceânica informou que ainda não foi estimado o montante da potencial oferta. Os recursos da oferta deverão ser utilizados na aquisição e customização de embarcações, aquisição de máquinas e equipamentos e no  aumento da posição de caixa.

A empresa que pode quebrar o jejum de IPOs

Todo o capital da empresa, hoje, está nas mãos de Alfredo José Califfa, CEO e fundador da companhia.

A companhia tem uma parceria de longa data com a Petrobras, com prestações de serviços de afretamento de embarcações. A companhia ainda atua, entre outras atividades, em projetos de dutos submarinos e em serviços de mergulho.

A Oceânica foi fundada em 1978, com atividades voltadas para atender hidrelétricas e instalações portuárias,

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Bolsas da Europa fecham mistas, com repercussão de perspectivas para Irã e Israel
seloMercados

Bolsas da Europa fecham mistas, com repercussão de perspectivas para Irã e Israel

Há 8 horas

CVC Capital Partners quer captar US$ 1,33 bilhão em IPO – se o Oriente Médio deixar
Exame IN

CVC Capital Partners quer captar US$ 1,33 bilhão em IPO – se o Oriente Médio deixar

Há 8 horas

Ibovespa cai e fecha no pior patamar do ano com ataque de Irã a Israel e mudança de meta fiscal
seloMercados

Ibovespa cai e fecha no pior patamar do ano com ataque de Irã a Israel e mudança de meta fiscal

Há 12 horas

Tensões no Oriente Médio, juros na China e prévia da Eztec: os assuntos que movem o mercado
seloMercados

Tensões no Oriente Médio, juros na China e prévia da Eztec: os assuntos que movem o mercado

Há 14 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais