Invest

Ibovespa sobe e recupera os 120 mil antes de decisão do Copom; dólar bate máxima em 18 meses

Mais importante do que a decisão para a Selic em si é como será a votação do colegiado; entenda

Ibovespa: mercado precifica manunteção da Selic em 10,50% (Germano Lüders/Exame)

Ibovespa: mercado precifica manunteção da Selic em 10,50% (Germano Lüders/Exame)

Rebecca Crepaldi
Rebecca Crepaldi

Repórter de finanças

Publicado em 19 de junho de 2024 às 10h37.

Última atualização em 19 de junho de 2024 às 17h20.

O Ibovespa subiu 0,53% nesta quarta-feira, 19, e fechou em 120.261 pontos em dia de liquidez reduzida com os mercados americanos fechados devido ao feriado nos Estados Unidos. Já o dólar se valorizou 0,15%, encerrando a R$ 5,442. Durante o pregão, a moeda chegou a R$ 5,483, estabelecendo um novo recorde em 18 meses. O destaque do dia por aqui é a reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), em que será decidida a próxima taxa básica de juros.

“A decisão do Copom está sendo fortemente aguardada por conta do contexto que os ativos brasileiros estão nos últimos dois meses. Desde a metade de abril, a percepção de riscos fiscais está muito mais elevada no país, impulsionada inicialmente pela mudança das metas orçamentárias quando o governo enviou a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2025”, diz Leonel Mattos, analista de Inteligência de Mercado da StoneX.

Ibovespa hoje

  • IBOV: +0,53% aos 120.261 pontos

Mas mais importante do que a decisão será a forma com que a votação irá ocorrer. Isso porque o mercado já está certo de que haverá a manutenção da Selic em 10,50%. Mas o que ainda causa incertezas é sobre a divisão de visões dos diretores do Banco Central (BC).

No último encontro do Copom, houve uma clara divisão entre os indicados pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que optaram por reduzir a Selic em 50 pontos-base (bps, na sigla em inglês), e pelos indicados do ex-presidente Jair Messias Bolsonaro, que votaram pela redução de 25 pontos-base.

“A decisão dividida gerou uma percepção de que pode haver uma mudança na conduta da política monetária a partir de 2025, quando o comitê terá sua maioria de integrantes indicados pelo presidente Lula. Somado a isso, as falas de ontem do presidente criticando o BC aumentaram os temores de que o comitê possa ser menos rigoroso a partir do ano que vem, com o futuro presidente da autarquia não sendo tão exigente quanto o atual para a estabilização de preços”, explica Mattos.

Ontem, em entrevista à rádio CBN, Lula teceu duras críticas a Campos Neto, dizendo que o ele “não demonstra capacidade de autonomia” e “tem lado político”. Lula ainda afirmou que Campos Neto trabalha para prejudicar o país.

“Queremos que o BC se comporte na perspectiva de ajudar o Brasil, não para atrapalhar [...] Vou escolher o presidente do BC que tenha compromisso com o desenvolvimento do país, controle a inflação [...] A pessoa que eu escolher ao BC também deve ter na cabeça meta de crescimento”, disse.

Posse de Magda Chambriard

Também no radar dos investidores esteve a posse da nova presidente Magda Chambriard da Petrobras (PETR4), que aconteceu nesta tarde na sede da companhia. Na ocasião, o presidente Lula compareceu à posse e pediu que todos os ministros que pudessem remanejar suas agendas para que fossem ao Rio de Janeiro hoje para a cerimônia.

O marco chama a atenção já que há 12 anos um presidente da República não prestigia a posse de um presidente da Petrobras. A última vez em que isso ocorreu foi com a ex-presidenta Dilma Rousseff e Graça Foster. Por conta disso, a presença de Lula pode indicar ao mercado uma espécie de afirmação do seu governo, o que entra no radar dos investidores que se preocupam sobre interferências políticas na petroleira.

Dólar hoje

Nesta quarta-feira, 19, o dólar fechou em alta de 0,15%, a R$ 5,442. Na véspera, a moeda fechou a sessão em alta de 0,22% aos R$ 5,439, maior patamar para o fechamento desde janeiro de 2023.

O aumento dos riscos fiscais no Brasil e a apreensão sobre o direcionamento do Banco Central hoje pressionam a moeda local frente a divisa americana.

Como é calculado o índice Bovespa?

Principal índice de ações da bolsa brasileira, a B3, o Ibovespa é calculado em tempo real, baseado na média do desempenho dessa carteira teórica de ativos, cada uma com seu peso na composição do índice.

Funcionando como um termômetro do desempenho consolidado das principais ações para o mercado, cada ponto do Ibovespa equivale a 1 real. Por isso, se o IBOV está em 100.000 pontos, isso quer dizer que o preço da carteira teórica das ações mais negociadas é de 100.000 reais.

Que horas abre e fecha a bolsa de valores?

O horário de negociação na B3 vai das 10h às 17h. A pré-abertura ocorre entre 9h45 e 10h, enquanto o after-market ocorre entre 17h25 e 17h45. Já as negociações com o Ibovespa futuro ocorrem entre 9h e 16h55.

Acompanhe tudo sobre:Ibovespabolsas-de-valoresCopomSelicMagda ChambriardDólar

Mais de Invest

Hapvida (HAPV3) vai investir até R$ 600 milhões em novos hospitais em SP e RJ

Ministério da Justiça realiza leilão de 54 quilos de ouro; veja como participar

5 frases que todo investidor precisa saber

"O mundo está passando por um processo grande de transformação", diz André Leite, CIO da TAG

Mais na Exame