Acompanhe:

Depois de ganhar mais de US$ 270 bilhões em valor de mercado em um único dia na última quinta-feira, 22, hoje o valuation da Nvidia ultrapassou a barreira dos US$ 2,03 trilhões. Poucas horas depois do início das negociações na Nasdaq, em Nova York, os papéis da fabricante de chips subiam 4,21%, cotados a US$ 817,41.

A disparada da big tech — que se tornou a quarta companhia mais valiosa do mundo, atrás somente da Microsoft, Apple e Saudi Aramco — aconteceu depois que os resultados do quarto trimestre de 2023, divulgados na quarta-feira, 21, ficaram acima das expectativas dos investidores, que já eram altas. No período, o lucro líquido da companhia disparou 779% na comparação com o ano anterior, totalizando US$ 12,28 bilhões.

Somente ontem, as ações da Nvidia tiveram uma valorização superior a 16%, fato que a fez ganhar US$ 277 bilhões em um único dia e a levou a encerrar as negociações com um valor de mercado de US$ 1,96 trilhão. Até então, a companhia era a quinta mais valiosa do mundo, ultrapassando a Amazon, que na mesma data passou a valer US$ 1,81 trilhão.

Segundo Einar Rivero, CEO da Elos Ayta Consultoria, o valor de mercado contabilizado no último 22 de fevereiro pela Nvidia foi superior ao valution de uma das empresas mais valiosas do Ibovespa, a Petrobras (PETR4) — que atualmente tem um valor de mercado de US$ 114 bilhões. “Isso significa que a Nvidia cresceu o equivalente a 2,42 vezes o valor da Petrobras em apenas um dia, ou praticamente a soma das quatro maiores empresas listadas na B3, que juntas valem US$ 279 bilhões.”

Confira as últimas notícias de Invest:

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Investidores millennials e da geração Z preferem criptomoedas a ações, mostra pesquisa
Future of Money

Investidores millennials e da geração Z preferem criptomoedas a ações, mostra pesquisa

Há 15 horas

Ibovespa cai à mínima do ano com EUA e Petrobras; dólar atinge máxima de R$ 5,12
seloMercados

Ibovespa cai à mínima do ano com EUA e Petrobras; dólar atinge máxima de R$ 5,12

Há 15 horas

Suspensão na Petrobras, balanços de bancos dos EUA e Starbucks: os assuntos que movem o mercado
seloMercados

Suspensão na Petrobras, balanços de bancos dos EUA e Starbucks: os assuntos que movem o mercado

Há 17 horas

Bolsas da Ásia fecham majoritariamente em baixa, com tombo de Hong Kong após exportações chinesas
seloMercados

Bolsas da Ásia fecham majoritariamente em baixa, com tombo de Hong Kong após exportações chinesas

Há 19 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais