Future of Money
Acompanhe:

NFL anuncia lançamento de plataforma de NFTs em parceria com a Dapper Labs

Empresa, que criou o NBA Top Shot e o blockchain Flow, se torna a 2ª maior fonte de receita de licenciamento digital da NFL, atrás apenas do game Madden, da EA Sports

NFL terá plataforma de NFTs nos mesmos moldes do popular NBA Top Shot (SOPA Images/Getty Images)

NFL terá plataforma de NFTs nos mesmos moldes do popular NBA Top Shot (SOPA Images/Getty Images)

C
Cointelegraph Brasil

29 de setembro de 2021, 16h11

A Dapper Labs, criadora da popular plataforma de NFTs da NBA, e a corretora de derivativos de criptomoedas FTX, estão se voltando para a NFL, a principal liga de futebol americano dos EUA, como parte de suas iniciativas de expansão.

Com relação à Dapper Labs, responsável também pelo blockchain Flow, está supostamente trabalhando no desenvolvimento de uma plataforma de NFTs colecionáveis ​​da NFL, nos mesmos moldes do NBA Top Shot. Já a FTX assinou um contrato de patrocínio com o astro Aaron Jones, running back do Green Bay Packers.

A última jogada da Dapper veio uma semana depois que a empresa notíciou - logo após divulgar sua mais recente rodada de investimentos, que captou US$ 250 milhões - que se aventuraria para além do NBA Top Shot, e que expandiria o formato para outras modalidades esportivas e áreas de entretenimento.

De acordo com fontes ouvidas pelo Sports Business Journal, a nova plataforma da NFL deve ser lançada antes do início da temporada de 2022. A NFL e a NFL Players Association (NFLPA) irão adquirir uma participação acionária na Dapper como parte do negócio.

A plataforma está configurada para seguir o modelo do Top Shot, que tokeniza jogadas de destaque da NBA e os vende aos usuários como itens colecionáveis ​​em seu mercado. Embora haja poucos detalhes sobre a nova plataforma, as fontes disseram à publicação que o acordo torna a Dapper a segunda maior fonte de receita de licenciamento digital da NFLPA - perdendo apenas para a série de videogame “Madden”, da EA Sports.

O novo acordo pode estar relacionado à decisão da NFL, divulgada no início deste mês, de proibir todas as equipes de acordos de patrocínio com empresas da indústria de criptomoedas e NFTs até que a liga estabeleça uma estratégia "para arte e cards colecionáveis digitais de esportes."

A NFL tem muitos jogadores que já se posicionaram publicamente a favor do setor de criptoativos, como Tom Brady, maior nome da liga, que lançou uma plataforma de NFTs e recentemente afirmou que gostaria de receber o seu salário em cripto. Já Trevor Lawrence fechou contrato de patrocínio com a Blockfolio e Saquon Barkley com a Strike - o último, inclusive, recebe pelo acordo em bitcoin.

por Cointelegraph Brasil

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube

Últimas Notícias

ver mais
Criptomoedas disparando: é hora de investir?
seloFuture of Money

Criptomoedas disparando: é hora de investir?

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Opinião: dados pessoais são armas perigosas nas mãos de criminosos
Future of Money

Opinião: dados pessoais são armas perigosas nas mãos de criminosos

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Adesão ao bitcoin e ao ether cresceu apesar de inverno cripto, aponta estudo
Future of Money

Adesão ao bitcoin e ao ether cresceu apesar de inverno cripto, aponta estudo

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Favela carioca recebe a 1ª TechHouse da Polygon para capacitar jovens na Web3
Future of Money

Favela carioca recebe a 1ª TechHouse da Polygon para capacitar jovens na Web3

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
icon

Brands

ver mais

Uma palavra dos nossos parceiros

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

leia mais