40% dos clientes do Goldman Sachs têm exposição às criptomoedas, indica pesquisa

Levantamento do banco de investimentos também mostra que maioria dos investidores pretende aumentar exposição aos ativos digitais

O banco de investimentos Goldman Sachs divulgou na noite da última quinta-feira, 4, os resultados de uma pesquisa que mostra que 40% dos seus clientes têm exposição aos criptoativos e que quase um quarto deles acredita que o bitcoin valerá mais de 100 mil dólares.

A pesquisa, exclusiva sobre os ativos digitais, ouviu 280 clientes do banco nos primeiros dias de março e também mostra que 61% dos participantes esperam que suas posições em criptoativos aumentem ao longo dos próximos 12 a 24 meses.

Em relação ao preço do bitcoin, 22% acreditam que a principal criptomoeda do mundo valerá mais de 100 mil dólares em 12 meses. O resultado mais citado, entretanto, é que o ativo custe entre 40 mil e 100 mil dólares — essa foi a opinião de 54% dos participantes da pesquisa.

O Goldman Sachs tem demonstrado interesse nos criptoativos já há algum tempo. No início do ano, um de seus analistas divulgou relatório citando "amadurecimento do mercado".

Mais recentemente, o banco anunciou a reabertura da sua mesa de negociação de criptomoedas. Inicialmente, o balcão, criado em 2018 e encerrado pouco depois, permitirá a negociação de derivativos de bitcoin e buscará oferecer serviços de custódia.

O banco também se tornou um investidor "indireto" do bitcoin no início de fevereiro, já que o Goldman Sachs é um dos maiores acionistas da Tesla, que anunciou, em fevereiro, a compra de 1,5 bilhão de dólares em bitcoin com parte de suas reservas.

No curso "Decifrando as Criptomoedas" da EXAME Academy, Nicholas Sacchi, head de criptoativos da Exame, mergulha no universo de criptoativos, com o objetivo de desmistificar e trazer clareza sobre o funcionamento. Confira.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também