Bia Haddad se recupera, vence nas duplas e segue viva no US Open

Eliminada em simples, paulista vai à 2ª rodada com cazaque Danilina
Beatriz Haddad Maia estreou com vitória na chave de duplas femininas do US Open (Elsa/Getty Images)
Beatriz Haddad Maia estreou com vitória na chave de duplas femininas do US Open (Elsa/Getty Images)
A
Agência Brasil

Publicado em 02/09/2022 às 09:32.

Última atualização em 02/09/2022 às 09:51.

A brasileira Beatriz Haddad Maia estreou com vitória na chave de duplas femininas do US Open, em Nova York (Estados Unidos). Nesta quinta-feira (1), a paulista, número 23 do ranking de duplistas da Associação de Tênis Feminino (WTA, na sigla em inglês), em parceria com a cazaque Anna Danilina (18ª), derrotou a polonesa Magda Linette (41ª) e a sérvia Aleksandra Krunic (43ª) por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 7/6 (7/4), após uma hora e 19 minutos de partida.

Na segunda rodada, Bia e Danilina terão pela frente a dupla formada pela espanhola Aliona Bolsova (86ª) e a norueguesa Ulrikke Eikeri (42ª), que eliminaram as romenas Raluca Olaru (78ª) e Irina-Camelia Begu (42ª em simples, 99ª em duplas) por 2 sets a 1 (4/6, 6/3 e 6/3), em duas horas e 22 minutos de jogo. O duelo será nesta sexta-feira (2), em torno das 16h30 (horário de Brasília).

O triunfo serviu como volta por cima para a brasileira, 15ª do mundo em simples, que foi eliminada do torneio individual feminino na última quarta-feira (31), ao perder da canadense Bianca Andreescu (48ª) por 2 sets a 0 (6/2 e 6/4). Na estreia, a paulista havia atropelado a croata Ana Konjuh (117ª) com um duplo 6/0.

Outros dois brasileiros voltam à quadra nesta sexta, ambos nas duplas masculinas. Às 13h, a parceria do mineiro Marcelo Melo (45º) com o sul-africano Raven Klaasen (73º) encara o britânico Lloyd Glasspool (26º) e o finlandês Harri Heliovaara (21º). Às 15h, será a vez do também mineiro Bruno Soares (33º) jogar. Ele e o britânico Jamie Murray (14º) enfrentam os poloneses Hugo Nys (54º) e Jan Zielinski (42º). As partidas valem pela segunda rodada do torneio.

Pela mesma fase, o gaúcho Marcelo Demoliner (173º) e o português João Sousa (296º em duplas, 59º em simples) têm como adversários os espanhóis Feliciano Lopez (70º) e Jaume Munar (197º em duplas, 57º em simples), que se classificaram ao superarem os franceses Arthur Rinderknech (138º em duplas, 58º em simples) e Benjamin Bonzi (124º em duplas, 50º em simples) nesta quinta, por 2 sets a 0 (6/2 e 6/4), em uma hora e quatro minutos. O duelo ainda será agendado.

Veja também: 

Fórmula 1: veja os horários e onde assistir ao GP da Holanda

Copa do Mundo do Catar: completar o álbum pode custar quase R$ 4.000 a depender do país