Esfera Brasil
Acompanhe:

Presidente do Conselho da Esfera defende PEC da Transição por 4 anos

João Camargo discursou no Fórum Esfera Brasil, evento que reuniu representantes dos Três Poderes e do setor privado para debater soluções para o Brasil

O empresário João Camargo no Fórum Esfera Brasil, no Guarujá (SP) (Iara Morselli//Divulgação)

O empresário João Camargo no Fórum Esfera Brasil, no Guarujá (SP) (Iara Morselli//Divulgação)

E
Esfera Brasil

Publicado em 5 de dezembro de 2022, 13h59.

Durante o Fórum Esfera Brasil, realizado no Guarujá (SP), o presidente do Conselho da Esfera, João Camargo, discursou no evento, pedindo para os empresários defenderem a aprovação da PEC da Transição por quatro anos. “A função do empresário é ajudar que o Congresso Nacional aprove essa PEC da Transição. E a PEC não adianta dar almoço e não dar o jantar. A PEC tem que fazer o cálculo exato de alguns programas essenciais, porque acho que todos nós empresários somos a favor de ajudar os mais necessitados; e ela deveria ser aprovada pelos próximos quatro anos.”

O empresário também afirmou que a responsabilidade do Congresso é enorme nesse caso, porque senão o tema volta a cair nas mãos do Judiciário ou do TCU. “Essa PEC é imprescindível para que o novo governo comece com a ajuda social e todos nós devemos dar uma ajuda a isso.” 

A declaração de Camargo ocorre no momento em que o governo eleito negocia com o Congresso o valor a ser incluído na PEC que pretende criar condições orçamentárias para o pagamento do Bolsa Família de R$ 600 para os beneficiários e ampliação do benefício em R$ 150 para as famílias com filhos de até seis anos. A futura gestão tem enfrentado resistências dos parlamentares e críticas de agentes do mercado por não apontar uma nova âncora fiscal e nomes da equipe econômica.

Camargo, que também é presidente do conselho executivo da CNN Brasil, disse que nas duas primeiras gestões de Lula, entre 2002 e 2010, o “Brasil cresceu muito e o mercado ganhou muito dinheiro”, apostando que pela experiência adquirida o petista fará um bom governo. “O que o mercado está cobrando é mais uma tranquilidade e essa tranquilidade nós, os empresários, queremos dar ao futuro governo”, afirmou.

O Fórum contou com a participação do vice-presidente eleito, Geraldo Alckmin (PSB), dos governadores eleitos Fátima Bezerra (PT), Helder Barbalho (MDB), Renato Casagrande (PSB) e Tarcísio de Freitas (Republicanos), do governador Paulo Câmara (PSB), dos ministros do Supremo Tribunal Federal Luis Roberto Barroso e Ricardo Lewandowski, de ministros do STJ e do TCU, dos presidentes do Banco Central e do Cade, Roberto Campos Neto e Alexandre Cordeiro, e dos empresários Abílio Diniz e André Esteves, entre outros.

A íntegra de todos os painéis está disponível no canal da Esfera Brasil no YouTube: https://www.youtube.com/esferabrasil.