Jovens da periferia registram maior número de consultas de crédito

Segundo a Serasa, também aumentaram as consultas entre trabalhadores rurais

São Paulo – Um estudo da empresa de consultoria Serasa Experian indica que, do conjunto do cadastros de Pessoas Físicas (CPFs) consultados pelo sistema financeiro em 2011, 18,3% pertencem ao grupo chamado periferia jovem. Segundo a empresa, esse grupo representa 20,92% da população e é formado por jovens de baixa renda e com pouca qualificação, trabalhadores na informalidade e estudantes da periferia. Em 2010, essa parcela dos consumidores respondeu por 16% das consultas do setor financeiro.

De acordo com o levantamento, também aumentaram as consultas referentes aos grupos Brasil rural, de 11,8% em 2010 para 14,9% em 2011; envelhecendo no interior, de 3,4% para 3,8%; e assalariados urbanos, de 9% para 9,2%. No sentido contrário, aparecem empreendedores e comerciantes, cujo percentual passou de 13,3% para 12,7%; e aspirantes sociais, de 18,1% para 17,8%.

O grupo periferia jovem, no período de 2008 a 2011, foi o grupo social mais consultado pelas empresas de financiamento de veículos e leasing (25,9%), pelos segmento de cartões de crédito (25,6%) e pelos bancos e financeiras com foco em empréstimos para pessoas físicas (21,3%). No segmento de consórcios, ficou em segundo lugar, com 23,6% das consultas, perdendo apenas para o grupo Brasil Rural (31,5%).

Segundo os dados, há mais consultas no Sudeste, 46,8% do total da amostra, e menos no Norte, 7,1%. As mulheres são menos consultadas pelo segmento financeiro do que os homens (41,6% contra 58,4%). O único segmento que consulta mais CPFs de pessoas do sexo feminino é o de cartões de crédito (57). Por idade, a participação das pessoas com até 30 anos subiu de 30,5% para 33,1% do total de consultas entre 2008 e 2011, com destaque para a faixa de 19 a 25 anos. Já a participação das pessoas com mais de 40 anos de idade diminuiu nesse mesmo período (de 43,7% em 2008 para 41,1% em 2011).

Os jovens com até 30 anos de idade têm mais representatividade nos segmentos de consórcio (44,1%), financiamento de veículos e leasing (40,7%) e cartão de crédito (38,5%). No caso das pessoas com mais de 40 anos, a concentração é maior em bancos e financeiras com foco em empréstimos para pessoa jurídica (53,9%) e em bancos e financeiras de montadoras (49,7%).

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.