Brasil deve ter pico de inflação tocando 11% em abril, diz Campos Neto

Em fevereiro, a inflação ao consumidor brasileiro acelerou com força para o nível mais elevado para o mês em sete anos
 (Alan Santos/PR/Flickr)
(Alan Santos/PR/Flickr)
Por ReutersPublicado em 25/03/2022 12:04 | Última atualização em 25/03/2022 12:43Tempo de Leitura: 1 min de leitura

O pico da inflação brasileira deve ocorrer em abril, tocando 11% no acumulado em 12 meses, disse nesta sexta-feira o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, acrescentando que o mundo sairá dividido do conflito na Ucrânia e que o Brasil precisa estar do lado certo e aproveitar oportunidades.

Em fevereiro, a inflação ao consumidor brasileiro acelerou com força para o nível mais elevado para o mês em sete anos, com a taxa em 12 meses acima de 10,5%.

Em seminário virtual organizado pelo Banco Central do Peru, Campos Neto reforçou que o Banco Central provavelmente encerrará o ciclo de aperto monetário com a taxa Selic em 12,75% (prevista para ser adotada na reunião de maio, com ajuste de um ponto percentual).