BC não faz flexibilização da política monetária, diz Tombini

Tombini destacou ainda a importância do ajuste fiscal e que há muito o que ser feito para resgate da confiança da sociedade na economia brasileira

Brasília - O presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, afirmou nesta terça-feira que, diante do balanço de riscos para a inflação ainda "desafiador", e descartou a possibilidade de reduzir os juros básicos mesmo diante da economia fraca.

"O balanço de risco para a inflação permanece desafiador... e não nos permite trabalhar com a hipótese de flexibilização das condições monetárias", afirmou ele durante audiência na Comissão de Assuntos Econômicas (CAE) do Senado.

Tombini destacou ainda a importância do ajuste fiscal e que há muito o que ser feito para resgate da confiança da sociedade na economia brasileira.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.