• AALR3 R$ 20,20 -0.49
  • AAPL34 R$ 66,78 -0.79
  • ABCB4 R$ 16,69 -3.75
  • ABEV3 R$ 13,98 -1.13
  • AERI3 R$ 3,67 -0.81
  • AESB3 R$ 10,70 0.00
  • AGRO3 R$ 30,74 -0.32
  • ALPA4 R$ 20,46 -1.35
  • ALSO3 R$ 18,92 -0.94
  • ALUP11 R$ 26,83 0.86
  • AMAR3 R$ 2,41 -1.23
  • AMBP3 R$ 29,84 -2.29
  • AMER3 R$ 23,45 1.56
  • AMZO34 R$ 66,86 -0.09
  • ANIM3 R$ 5,36 -2.72
  • ARZZ3 R$ 81,01 -0.23
  • ASAI3 R$ 15,95 3.24
  • AZUL4 R$ 20,93 -1.46
  • B3SA3 R$ 12,13 2.71
  • BBAS3 R$ 37,15 4.06
  • AALR3 R$ 20,20 -0.49
  • AAPL34 R$ 66,78 -0.79
  • ABCB4 R$ 16,69 -3.75
  • ABEV3 R$ 13,98 -1.13
  • AERI3 R$ 3,67 -0.81
  • AESB3 R$ 10,70 0.00
  • AGRO3 R$ 30,74 -0.32
  • ALPA4 R$ 20,46 -1.35
  • ALSO3 R$ 18,92 -0.94
  • ALUP11 R$ 26,83 0.86
  • AMAR3 R$ 2,41 -1.23
  • AMBP3 R$ 29,84 -2.29
  • AMER3 R$ 23,45 1.56
  • AMZO34 R$ 66,86 -0.09
  • ANIM3 R$ 5,36 -2.72
  • ARZZ3 R$ 81,01 -0.23
  • ASAI3 R$ 15,95 3.24
  • AZUL4 R$ 20,93 -1.46
  • B3SA3 R$ 12,13 2.71
  • BBAS3 R$ 37,15 4.06
Abra sua conta no BTG

Marte fica ainda mais visível no céu nesta terça; saiba como assistir

Nesta terça, Marte estará em perfeita oposição ao Sol e ficará o mais brilhante possível
Marte: planeta estará em perfeita oposição com o Sol (Getty Images/Getty)
Marte: planeta estará em perfeita oposição com o Sol (Getty Images/Getty)
Por Tamires VitorioPublicado em 13/10/2020 10:10 | Última atualização em 13/10/2020 13:46Tempo de Leitura: 3 min de leitura

Se há duas semanas Marte estava tão visível ao lado da Lua, como um pequeno ponto brilhante no céu, nesta terça-feira, 13, ele vai estar ainda mais visível. Nesta terça, Marte estará em oposição completa ao Sol, o que o deixará com ainda mais brilho. Essa é a primeira vez que o fenômeno acontece desde 27 de julho de 2018.

Apesar de estar mais longe do que no dia 5 de outubro, quanto esteve o mais próximo da Terra, na noite de hoje, em sua pequena órbita em volta do Sol, a Terra deve passar mais ou menos entre o Sol e o planeta vermelho, visível por aqui a partir das 19h, mas com o pico às 00h05 da meia noite desta quarta-feira, 14.

Na oposição deste ano, Marte será uma vista brilhantemente vermelha no céu durante a noite toda --- ainda mais brilhante do que a que deve acontecer em 2035. A oposição é um "período especial" para qualquer planeta, uma vez que, exatamente quando a Terra se localiza entre a principal estrela do sistema solar e um planeta, ele brilha o mais forte no céu terrestre.

Configuração da Terra, do Sol e de Marte durante a oposição (Nasa/Reprodução)

Se Marte e a Terra tivessem órbitas perfeitamente circulares, a distância mínima entre os dois planetas seria sempre a mesma — mas não é assim que funciona, uma vez que a órbita de ambos os planetas tem um formato parecido com o de um ovo.

Apesar da proximidade, esse não é o número recorde que a Terra e Marte se encontraram tão de perto. Em 2003, o planeta vermelho ficou a 55,7 milhões de quilômetros do nosso — um fenômeno que não acontecia há cerca de 60 mil anos. Agora, para vê-lo tão de perto novamente, só em 2287.

Mas a Nasa pede cuidado: Marte não ficará do tamanho da Lua em nosso céu (e nem do Sol, por sua vez). “Se isso fosse verdade, teríamos um grande problema, porque teríamos a gravidade da Terra, de Marte e da Lua”, explica a agência americana.

Como assistir?

Segundo a Nasa, quando o assunto é observar Marte em sua posição de oposição, é sempre melhor ter um telescópio, uma vez que ele possibilitará que mais detalhes do planeta sejam mostrados --- como regiões mais claras e escuras da superfície planetária, bem como a proeminente calota de gelo polar, que estará virada diretamente para a Terra.

Pela turbulência da nossa atmosfera, como explica a agência espacial, os detalhes podem ser mais difíceis de serem vistos, especialmente com telescópios menores. E, apesar de ser chamado de "planeta vermelho", nesta terça Marte terá uma cor mais parecida com uma abóbora, em tons alaranjados.

Apesar disso, a própria Nasa afirma que "se você quiser ver o planeta, simplesmente saía e olhe para cima. Dependendo da temperatura local e das condições de iluminação, você deve conseguir ver Marte". Se isso não der certo, o Virtual Telescope Project fará uma transmissão ao vivo de Marte no céu na noite de hoje.

Simples, não?