Bússola

Um conteúdo Bússola

Taxa de inadimplência cresce no Brasil; ensino superior tem maior índice

No Sudeste, a taxa saltou de 18,77% em 2021 para 20,21% no ano passado

Índice é o maior desde 2019 (Sirinarth Mekvorawuth / EyeEm/Getty Images)

Índice é o maior desde 2019 (Sirinarth Mekvorawuth / EyeEm/Getty Images)

Bússola
Bússola

Plataforma de conteúdo

Publicado em 14 de fevereiro de 2023 às 17h00.

Por Bússola

A taxa de inadimplência no ensino superior foi de 30,2% em 2022, segundo pesquisa da Sponte, que integra a vertical de Educação da Linx, líder no mercado de software de gestão. O índice é o maior índice desde 2019. Na sequência, vêm os cursos livres, técnicos e profissionalizantes, com 26,12%, e o segmento de educação infantil e educação básica, que apresentam 20,60% e 23,98%, respectivamente. Pegando o recorte da educação privada como um todo, o índice aumentou de 17,57% para 19,68%, entre dezembro de 2019 e dezembro do ano passado.

Somente no Sudeste, a taxa de inadimplência saltou de 18,77% em 2021 para 20,21% em 2022. Em São Paulo o índice chegou a 19,74%. Segundo Cristopher Morais, diretor de negócios da Linx Sponte, “esses dados refletem o cenário traçado pelo Serasa, que em seu último levantamento registrou quase 70 milhões de brasileiros inadimplentes, cerca de 9% a mais do que o mesmo período em 2021, apresentando um aumento na taxa de inadimplência em todo o Brasil”.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

Elas na Escola: as experiências de meninas negras para a política brasileira

Tatiany Martins: 6 dicas para usar o celular de maneira equilibrada

Desconstruir o anafalfabetismo começa no canteiro de obras

Acompanhe tudo sobre:CriançasEducaçãoEscolasInadimplência

Mais de Bússola

Bússola Poder: políticos do mundo, uni-vos. Outros pagam a conta

Campos do Jordão ganha exposição do artista plástico Renot

Lacuna no setor será chave para essa empresa de bairros planejados vender R$ 300 mi

Oi aposta em estratégia ESG para acelerar processo de recuperação judicial

Mais na Exame